Toyota do trio Conway, Kobayashi e Lopez vence no Bahrein e assume a liderança do campeonato

Mike Conway, Kamui Kobayashi e Jose Maria Lopez assumiram a liderança do Campeonato Mundial de Endurance da FIA, o WEC, graças a uma vitória dominante nas 8 horas do Bahrein.

O trio número 7 da Toyota Gazoo Racing venceu seus companheiros de equipe no carro nº 8 – Sebastien Buemi, Brendon Hartley e Kazuki Nakajima – por mais de uma volta, terminando em dobradinha para a fabricante japonesa.

Com pontos extras em oferta na primeira corrida de endurance “mais longa” da temporada, Conway, Kobayashi e Lopez passaram para 97 pontos, em comparação com os 89 do carro irmão.

A disputa de sábado se transformou em um teste de durabilidade, pois a Toyota superou as restrições de desempenho tratadas na atualização do ‘handicap de sucesso’ antes do evento para ficar longe das inscrições não-híbridas da Rebellion Racing e Team LNT.

A Toyota vencedora, que conquistou a liderança em uma dramática volta de abertura, ficou sem problemas durante todo o tempo, enquanto a Rebellion e as duas AERs Ginetta G60-LT-P1 estavam com problemas.

A Rebellion estava em segundo na terceira hora, quando Gustavo Menezes levou o carro para a garagem com um problema no atuador da caixa de câmbio, cujos reparos custaram três voltas.

O tempo perdido, em seguida, apresentou ser muito para a equipe suíça, enquanto as Toyotas fugiam na frente.

Mas a competição entre as duas Toyotas terminou essencialmente às seis horas, quando Conway encontrou uma maneira de Buemi passar o carro nº 8 para colocar uma volta sobre ele.

A partir daí, foi uma corrida tranquila para o carro número 7, que se tornou a quarta equipe da Toyota a vencer a corrida do WEC no Bahrein.

A Rebellion, que Menezes compartilhou com Norman Nato e Bruno Senna, teve uma segunda metade de prova sem problemas depois de sua primeira visita à garagem e chegou ao fim do pódio geral três voltas atrás do Toyota nº 7 e cinco voltas à frente do LMP2 vencedor.

Nenhum dos Ginettas alcançou a bandeira quadriculada em um dia desafiador para a equipe LNT.

O contato da primeira volta de Charlie Robertson com Senna, que permitiu à Toyota vencedora se firmar e assumir uma liderança permanente, resultou em uma ida à garagem para reparos imediatos.

Enquanto o carro conseguiu voltar, ele foi forçado a cumprir uma penalidade de drive-through por parar nos boxes antes do final do período do Safety Car que foi causado pelo seu incidente antes que ele tivesse um problema mecânico na quinta hora.

Porém, ele estabeleceu a volta mais rápida da corrida com Jordan King ao volante.

O Ginetta nº 6 da LNT teve uma corrida mais confiável inicialmente, mas foi forçado a entrar na garagem por um longo período na segunda metade da corrida para resolver um problema suspeito de caixa de câmbio.

United conquista vitória na LMP2

A United Autosports conquistou sua primeira vitória na classe com uma atuação dominante de Paul di Resta, Phil Hanson e Filipe Albuquerque.

O Oreca 07 Gibson, da equipe britânica, liderou a maior parte da corrida e ficou 21 segundos à frente do segundo colocado JOTA de Antonio Felix da Costa, Roberto Gonzalez e Anthony Davidson no final.

Uma furtuita bandeira amarela com 40 minutos restantes ajudou alguns dos principais carros a terminar sem precisar de um reabastecimento.

Um dos principais beneficiários foi o Oreca nº 26 da G-Drive Racing Aurus, que manteve sua quarta posição atrás do Jackie Chan DC Racing Oreca pilotado por Ho-Pin Tung, Will Stevens e Gabriel Aubry.

Completando os cinco primeiros, ficou o número 36 da Signatech Alpine Oreca de Andre Negrão, Pierre Ragues e Thomas Laurent.

Aston Martin e Porsche venceram as outras classes

O Aston Martin Vantage nº 95 de Marco Sorensen e Nicki Thiim venceu as 8 horas do Bahrein na GTE-Pro, enquanto Ben Keating, Jeroen Bleekemolen e Ten Voorde venceram na classe GTE-Am pilotando um Porsche 911.

Confira o resultado das 8 horas do Bahrein:

1) #7 Toyota Gazoo Racing
2) #8 Toyota Gazoo Racing, +1 volta
3) #1 Rebellion Racing, +3 voltas
4) #22 United Autosports, +8 voltas
5) #38 JOTA, +8 voltas
6) #37 Jackie Chan DC Racing, +9 voltas
7) #26 G-Drive Racing, +9 voltas
8) #36 Signatech Alpine ELF, +9 voltas
9) #29 Racing Team Nederland, +10 voltas
10) #42 Cool Racing, +12 voltas
11) #33 High Class Racing, +13 voltas
12) #47 Cetilar Racing, +17 voltas
13) #95 Aston Martin Racing, +22 voltas
14) #71 AF Corse, +22 voltas
15) #97 Aston Martin Racing, +22 voltas
16) #51 AF Corse, +22 voltas
17) #91 Porsche GT Team, +24 voltas
18) #57 Team Project 1, +24 voltas
19) #92 Porsche GT Team, +24 voltas
20) #98 Aston Martin Racing, +24 voltas
21) #86 Gulf Racing, +24 voltas
22) #83 AF Corse, +25 voltas
23) #54 AF Corse, +25 voltas
24) #77 Dempsey – Proton Racing, +26 voltas
25) #70 MR Racing, +27 voltas
26) #62 Red River Sport, +28 voltas
27) #56 Team Project 1, +43 voltas
28) #6 Team LNT, +62 voltas
29) #90 TF Sport, +79 voltas
30) #5 Team LNT, +114 voltas
31) #88 Dempsey – Proton Racing, +148 voltas

 

Quer assistir ao vivo às corridas da Indy, Fórmula 2, Fórmula 3 e Superbike? Acesse http://f1mania.vc/4K e experimente a DAZN grátis por 1 mês!

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/F7Z3AHfKGDq1w4mHpHv63M

 

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/f1mania?sub_confirmation=1

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – Decisão da Stock Car 2019; conheça os candidatos ao título da temporada:

 

Fórmula 1 faz tributo à Ayrton Senna no Parque do Ibirapuera:

STOCK CAR 2019 | GOIANIA – 11ª etapa | MELHORES MOMENTOS (Corrida 1):

 

STOCK CAR 2019 | GOIANIA – 11ª etapa | MELHORES MOMENTOS (Corrida 2):

 

FÓRMULA E | EL-DIRIYAH – CORRIDA 2 | MELHORES MOMENTOS:

 

FÓRMULA E | EL-DIRIYAH – CORRIDA 1 | MELHORES MOMENTOS:

 

Visitamos o DAYTONA INTERNATIONAL SPEEDWAY | FÉRIAS F1MANIA: