Na Ganassi, Tony Kanaan é o quinto brasileiro confirmado nas 24 Horas de Le Mans

Nesta quinta-feira (22) a Ford anunciou que o brasileiro Tony Ganaan vai ocupar uma vaga em um dos Fort GTs da equipe Ganassi para a lendária corrida das 24 Horas de Le Mans, válido pela etapa do Campeonato Mundial de Endurance (WEC), marcado para meados de junho.

Kanaan é piloto da AJ Foyt na IndyCar para 2018, acompanhado pelo compatriota Matheus Leist, depois de uma transferência da Ganassi onde permaneceu por quatro anos vencendo uma corrida em sua passagem.

“Eu era parte de uma ótima organização na Ganassi. Eu só tenho coisas boas a dizes sobre eles, mas as vezes não funciona”, disse Kanaan falando sobre sua passagem modesta na Ganassi, depois de anunciar sua transferência para a AJ Foyt no fim de 2017.

O vencedor da Indy500 de 2013, já participou das 24 Horas de Le Mans no ano passado depois que Sébastien Bourdais sofreu um grave acidente durante a classificação para a Indy 500, com o brasileiro convidado para substituir Boudais.

Neste ano Kanaan será acompanhado por Harry Tincknell e Andy Priaulx, substituindo outro brasileiro Pipo Derari, com o trio alcançando o terceiro lugar na LMGTE na edição passada.

Kanaan se junto à Bruno Senna, André Negrão, Fernando Rees e Augusto Farfus, todos com presença confirmada na edição 2018 das 24 Horas de Le Mans.