Reddick aposta em combustível para vitória na Xfinity em Las Vegas

Tyler Reddick e sua equipe, a Richard Childress Racing Team, jogaram e ganharam no Las Vegas Motor Speedway no sábado à noite, apostando na milhagem de combustível; competindo com força suficiente, e simultaneamente economizando combustível para superar Christopher Bell por 0,738 segundos no Nascar Xfinity Series Rhino Pro Truck Outfitters 300.

Reddick, que conquistou seu quinto troféu, também venceu oficialmente o campeonato da temporada regular com base em pontos, na volta 71 da corrida de 200 voltas. Ele estava em quinto lugar no momento.

“Christopher Bell tinha um carro de corrida muito rápido hoje, mas fomos capazes de parar e colocar combustível e pneus, fazendo voltas muito rápidas para nos manter na frente dele”, disse Reddick.

Brandon Jones ficou em terceiro, Cole Custer em quarto e Justin Allgaier ficou na quinta posição. O veterano Elliott Sadler, 44, quatro vezes campeão da Xfinity Series e vencedor de 13 corridas, terminou em 10º na sua última corrida na série nacional da Nascar.

Foi uma afirmação forte para Reddick, 23, que conquistou sua quinta vitória para encerrar a temporada regular, e agora começa a rodada do Playoff com uma nota alta, o campeão da temporada regular e o vencedor mais recente na disputa pelo título. O californiano tem 20 finalizações entre os cinco melhores e 22 entre os 10 melhores, em 26 corridas e é o atual campeão da Xfinity Series.

Vencedor de seis corridas nesta temporada, Bell liderou por 154 voltas na noite, e ficou compreensivelmente desapontado com o resultado depois de uma exibição especialmente forte no sábado. Ele colocou pneus novos e combustível com 30 voltas restantes, e tentou superar Reddick no momento, mas acabou não conseguindo.

Embora o impressionante esforço de Bell na noite não tenha lhe valido o troféu de primeiro na corrida, ele entra nos playoffs com a liderança de pontos. Ele é o piloto mais bem classificado com 2.055 pontos ,à medida que são redefinidos. Custer e Reddick estão empatados em segundo lugar, com os pontos restabelecidos, 11 pontos atrás de Bell.

O restante das eliminatórias do Playoff da Xfinity Series Playoff em sua ordem, inclui, Austin Cindric, o novato Chase Briscoe, os veteranos Justin Allgaier e Michael Annett, o novato Noah Gragson, Brandon Jones, Justin Haley, Ryan Sieg e o novato John Hunter Nemechek. As sete corridas restantes do campeonato começam na semana que vem no Richmond Raceway.

Sieg não passou na inspeção técnica pós-corrida, mas felizmente para ele, isso não lhe custou uma vaga nos playoffs.

Custer, que venceu Bell na pole position na tarde de sábado, conquistou seu quarto top 10 consecutivo na pista e, apesar de decepcionado por não vencer, parecia otimista quanto ao seu potencial nos playoffs.

Ele afirmou: “Tivemos uma ótima temporada regular e estamos ansiosos pelos playoffs. Estou entusiasmado com isso. Acho que em todas as pistas dos playoffs seremos fortes”.

O chefe da equipe de Reddick, Randall Burnett, admitiu que foi uma jogada arriscada para obter a vitória, mas disse que estava sentindo a vibe de Las Vegas e que uma aposta estratégica era sua única esperança em vencer o Bell, que estava mais rápido.

“Sentimos que não poderíamos chegar lá e competir com Bell, ele era mais rápido o dia todo”, disse Burnett. “Vimos uma oportunidade lá. Sabíamos que estaríamos muito perto. Realmente não tínhamos nada a perder neste momento”.

“Simplesmente deu certo”, completou Burnett.

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/F9GwK1YT4yACqHsym6pqu8

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – AUDI apresenta o E-TRON FE06 para a temporada 2019/20 da FÓRMULA E:

 

O que um piloto de Fórmula E faz durante as férias?

 

PORSCHE CUP BRASIL | ETAPA ESTORIL 2019 | MELHORES MOMENTOS:

 

Fórmula E: Como pilotos e equipes se comunicam:

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: