Sérgio Sette Câmara tem bom início na pré-temporada da F2

Brasileiro foi o segundo mais veloz após três dias de testes em Paul Ricard, na França

Desde a última terça-feira (6) até o fim da tarde de hoje (8) o Autódromo de Paul Ricard, no sul da França, recebeu os pilotos e equipes do Campeonato Mundial de F-2 para a primeira rodada de treinos da Pré-Temporada 2018.

Todos os 20 carros que irão disputar o Campeonato foram para a pista. Ao todo foram realizadas seis sessões livres – duas por dia. Uma das grandes forças do automobilismo internacional a inglesa Carlin / McLaren Junior contou com a presença do britânico Lando Noris e de Sérgio Sette Câmara (YOUSE | BMG | CCR | CEMIG | GASMIG), único piloto brasileiro que disputará o Campeonato.

Após um rápido teste de instalação do carro em Magny Cours, também na França, no fim do mês passado, esta foi a primeira oportunidade que os pilotos tiveram para conhecer o novo Dallara F-2. O carro é equipado com o moderno motor Mechacrome V6 que desenvolve nada menos que 620 HP’s de potência.

Introduzida no calendário à partir desta temporada a pista de Paul Ricard será a sede da quinta rodada do Campeonato, na segunda quinzena de junho, e contará pontos pela nona e décima etapas. Sette Câmara, que nunca havia acelerado um carro de F-2 neste circuito, aproveitou ao máximo a sua experiência na pista e completou 194 voltas, concluindo assim um total de mais de 1.100 km nos três dias de testes.

Dando início a sua segunda temporada no Mundial de F-2 Sette Câmara está, da mesma forma, começando o trabalho com a equipe Carlin. Após um ano de 2017 de muito crescimento e expressivos resultados no segundo semestre, a nova equipe surgiu para o brasileiro como o melhor caminho a seguir em busca das vitórias.

COMO FORAM OS TESTES

Após algumas sessões em simuladores e várias horas de planejamento com os engenheiros e técnicos ingleses Sérgio chegou à pista sabendo exatamente qual seria o seu papel em cada uma das sessões.

A primeira preocupação foi a conferência da montagem do carro e, em seguida, o time passou a fazer todos os testes previstos para o piloto. Começando por uma situação de tomadas de tempos, passando por pit-stops, seguidas voltas rápidas e até mesmo uma simulação de corrida tudo foi executado e, em seguida, analisado com muito critério pelo piloto e seus engenheiros.

Dos seis treinos realizados Sérgio esteve sempre entre os mais velozes. No momento proposto de buscar o limite do equipamento e da pista o jovem de Belo Horizonte mostrou todo o seu potencial e de seu carro. Com uma volta estabelecida em 1m42s387 ele ficou com o segundo tempo mais veloz dentre as seis sessões. Com esta marca ele ficou apenas um décimo atrás do tempo estabelecido exatamente por seu companheiro de equipe.

“Estou muito satisfeito com o início de trabalho aqui na França. Acima de tudo nosso carro se mostrou muito bem nas diferentes situações de pista e de acerto do equipamento. Tanto eu como o Lando fomos extremamente rápidos e, até mesmo nas simulações de corridas, o carro era bem estável. Daqui duas semanas estaremos no Bahrein e, certamente, serão mais três dias de muito trabalho para deixar tudo pronto para o início do Campeonato”, encerrou o piloto de 19 anos.