Ghiotto supera o rival Latifi no treino livre em Barcelona

Luca Ghiotto da UNI-Virtuosi Racing, ficou à frente do líder do campeonato, Nicholas Latifi em Barcelona no treino livre da Fórmula 2 da FIA.

O italiano, que venceu a corrida Sprint na abertura da temporada no Bahrein, garantiu o primeiro lugar com 1: 29.462. O segundo lugar ficou com Latifi a 0,404 segundos de Ghiotto. Sean Gelael, da Prema Racing, começou seu fim de semana com força, com o terceiro melhor tempo da sessão, tornando-se o último piloto a entrar em 1:29s. O companheiro de equipe de Ghiotto, o novato chinês Guanyu Zhou, terminou em quarto lugar, com o Sérgio Sette Câmara da DAMS completando o Top 5.

Jack Aitken, vencedor da prova em Baku Feature Race, foi o sexto mais rápido à frente de Nobuharu Matsushita e Mick Schumacher, da Carlin. Nyck de Vries, da ART Grand Prix, sofreu vários problemas com o carro durante os quarenta e cinco minutos do treino, mas conseguiu o nono melhor tempo, batendo Anthoine Hubert, da Arden, que fechou o top dez.

O treino livre começou com vários carros indo para o circuito de 2,8 milhas para completar suas voltas de instalação. Os dois pilotos da Prema Gelael e Schumacher, marcaram os primeiros tempos iniciais logo no começo. Sette Câmara e Louis Delétraz saltaram para o topo das tabelas de tempos logo em seguida.

Nikita Mazepin, da ART, foi chamado à balança da FIA enquanto estava no pit lane, mas o piloto russo errou a entrada e parou no pit lane. Delétraz na Carlin teve que desviar para evitar uma batida com o piloto russo. Os comissários devem investigar o incidente após a sessão.

Com mais de dez minutos, Juan Manuel Correa da Sauber perdeu o controle de seu carro na última curva do circuito, indo parar na brita. A sessão do americano terminou ali, e a bandeira vermelha foi acionada para a retirada da Sauber.

A sessão foi retomada com menos de trinta minutos restantes e as duas ART de de Vries e Mazepin, foram os primeiros carros a retornar à pista. Ghiotto avançou para o primeiro lugar ao entrar em 1: 29s pela primeira vez na sessão, minutos após o reinício. O companheiro de equipe na Virtuosi, Zhou marcou sua primeira volta na sessão e saltou para o terceiro lugar, com Latifi dividindo os dois companheiros de equipe, em segundo.

Ralph Boschung da Trident sofreu um momento de arrepiar os cabelos quando perdeu a traseira de seu carro na saída da curva 9, mas o suíço conseguiu manter seu carro sob controle e na direção certa, escapando de um possível acidente.

Com dez minutos da sessão restante, Ghiotto permaneceu no topo à frente de Latifi, com Gelael colocando-se em terceiro lugar. Zhou e Sette Camara completam os cinco primeiros nas etapas finais de treinos.

Tendo sofrido vários problemas com seu carro, De Vries marcou seu primeiro tempo de volta na sessão e ficou em décimo primeiro lugar com menos de cinco minutos de treinos. O piloto holandês encontrou mais tempo, ficando entre os dez primeiros com o nono lugar, apenas nove décimos do tempo mais rápido de Ghiotto.

 

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – GP DO BRASIL 2020 será realizado no RIO DE JANEIRO, diz JAIR BOLSONARO:

 

Vídeo mostra o traçado do novo AUTÓDROMO de DEODORO no RIO DE JANEIRO

 

ePRIX DE PARIS | Melhores Momentos | FÓRMULA E 2018/19 – 8ª etapa:

 

ePRIX DE PARIS – Lucas di Grassi fala sobre sua corrida e a sua quarta posição

 

Fórmula 1 anuncia o Brasil como uma das sedes do “F1 Festival” em 2019

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: