Ferrucci bate no companheiro de equipe após a corrida e é banido das duas próximas etapas da F2

Santino Ferrucci recebeu uma punição de banimento de quatro corridas da Fórmula 2, após bater na traseira de seu companheiro de equipe Arjun Maini na volta para os boxes, após o fim da corrida

Ferrucci bateu seu carro propositalmente na traseira do companheiro na volta aos boxes após término da corrida em Silverstone. Por isso, ele foi multado em 60 mil euros e banido das duas próximas etapas, Hungaroring e Spa.

Além disso, o piloto americano foi visto dirigindo sem uma luva em algum momento do fim de semana em Silverstone no paddock, o que não é permitido. Nessa mão estava com um telefone. Por essas duas ações, a multa foi de seis mil euros.

Ferrucci forçou seu companheiro de equipe para fora da pista na curva quatro na corrida de domingo, e foi desqualificado do resultado. Após ser atingido pelo americano, Maini disse no rádio que seu companheiro de equipe deveria ser banido.

Ferrucci vai agora ficar de fora das corridas de Budapeste e Spa do campeonato em que ele tem 18 pontos.

Gunther Steiner, chefe da Haas, confirmou que eles investigarão o incidente.

“Estou ciente do incidente, vi pela TV”, disse ele. “Não entendi muito bem e não ouvi os rádios, mas com certeza há algum problema”.

“Eu disse que não lidaríamos com eles agora, porque temos uma corrida hoje”.

“Falaremos disso durante a semana, porque posso ter mais informações. Estou ciente que algo aconteceu, mas agora não tenho informação o bastante para resolver o problema”.

Em uma declaração do Twitter oficial da Trident, a equipe deu suporte a Maini, e acusou Ferrucci de “comportamento antidesportivo e não civilizado”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *