Hughes vence corrida de domingo na Áustria após confusão na última volta

Jake Hughes conseguiu a primeira vitória da HWA Racelab na Fórmula 3 na Áustria, depois que o drama da última volta em Spielberg teve os companheiros de equipe na Prema Racing, Robert Schwartzman e Marcus Armstrong, batendo entre si.

Para a segunda corrida do fim de semana na Áustria, Lirim Zendeli largou da pole após terminar em oitavo na Corrida 1, com Hughes alinhado ao lado do piloto alemão na primeira fila do grid, enquanto Pedro Piquet largou em terceiro.

Assegurando um início forte do segundo lugar, Hughes liderou na curva 1, no entanto, rapidamente caiu para segundo quando Zendeli superou o piloto britânico na curva 3, para recuperar sua liderança.

Enquanto isso, Armstrong, da Prema, assumiu o terceiro lugar, ultrapassando Schwartzman, antes de o piloto russo rapidamente retribuir o favor, recuperando o terceiro lugar na quarta volta, com uma batalha muito disputada emergindo rapidamente na pista.

Buscando ritmo, Zendeli perdeu a liderança na quarta volta, abandonando as posições no pódio, enquanto Hughes rapidamente recuperou a primeira posição antes de ser ultrapassado por Schwartzman e Armstrong para ficar em terceiro.

Muito próximos em termos de ritmo, Schwartzman e Armstrong correram em formação no que seria uma dobradinha da Prema Racing.

Buscando a sua primeira vitória em 2019, Armstrong lançou um ataque contra seu companheiro de equipe na 20ª volta para uma rápida tomada antes de Schwartzman reagir, recuperando a liderança na curva 4.

Uma colisão entre Alex Peroni e Sebastian Fernandez, companheiros de equipe na Campos Racing, forçou o acionamento do Safety Car Virtual na 22ª volta, enquanto a bandeira verde acenou na 23ª volta para sinalizar um sprint de uma volta para a bandeira quadriculada.

Buscando uma última tentativa de vencer, Armstrong novamente atacou Schwartzman na curva 3, cortando na frente de seu companheiro de equipe antes de ser atingido por trás quando o piloto russo travou suas rodas, atingindo o neozelandês.

Com isso, Hughes subiu para o segundo lugar, enquanto Schwartzman recebeu a bandeira quadriculada em primeiro lugar, mas teve uma penalidade de cinco segundos por seu acidente na volta final.

Isso deu a vitória para Hughes, enquanto Jehan Daruvala herdou o segundo lugar, com Schwartzman caindo para o terceiro lugar.

Max Fewtrell, da ART Grand Prix, terminou em quarto lugar, enquanto Leonardo Pulcini foi o quinto,e Juri Vips ficou em sexto.

Incapaz de acompanhar o grupo de pilotos, Zendeli recebeu a bandeira quadriculada em sétimo, enquanto Niko Kari pegou o último ponto em oitavo lugar. Armstrong terminou em 19º depois de ter um furo de pneu na sua colisão na última volta.

 

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX da SUÍÇA | Melhores Momentos | 11ª etapa Fórmula E 2018/19:

 

Análise: Vettel CULPADO ou INOCENTE no GP do Canadá? partc. Sérgio Milani. Veja abaixo:

 

GP DO BRASIL 2020 será realizado no RIO DE JANEIRO, diz JAIR BOLSONARO:

 

Vídeo mostra o traçado do novo AUTÓDROMO de DEODORO no RIO DE JANEIRO

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: