Montoanelli supera Leite e vence a F1Mania Daytona 200

A F1Mania Daytona 200 foi digna de uma prova da Nascar real em superspeedway – um começo mais conservador, sem incidentes, com big ones acontecendo na parte final e decisão em prorrogação. Depois de 91 voltas – sendo 11 em prorrogação -, Alex Montoanelli bateu Laercio Leite na linha de chegada e ficou com a vitória na quinta etapa da M7 Help Volantes Truck Series

“Corrida bem conturbada do meio para o final. Até a metade a gente veio com uma ideia bem conservadora, pois sabíamos que, certo ou tarde, viria uma amarela. Tentamos manter o carro limpo para o final. Se bobear, só o meu carro e o do Laercio estavam inteiros. No final, foi contar com a ajuda do Salmaso e levar a vitória”, disse Alex Montoanelli, o quinto vencedor em cinco etapas da M7 Help Volantes Truck Series

Único piloto a conquistar o ponto de bonificação por não ter levado nenhum incidente, Laercio lamentou o fato de ter corrido sem companheiro de equipe, já que Carlos Guimarães não participou do evento por estar de férias.

“Considero que minha leitura da corrida foi a correta. A minha ideia era essa: me livrar dos acidentes. Na relargada, antes das prorrogações, me coloquei bem, cheguei até a liderar, mas é uma pista que é muito difícil correr sem companheiro. Estou muito contente com o resultado”, apontou o segundo colocado.

A terceira posição de Luis Salmaso foi classificada como um milagre. O piloto radicado nos Estados Unidos e que celebrou o feriado de 4 de Julho – Independência daquele país – foi acertado três vezes durante a corrida. Os episódios, que não renderam pedido de música, prejudicaram seu desempenho, mas aproveitou bastante do vácuo para conquistar esse importante resultados.

“Tive três acidentes que danificaram minha Truck, mas deu pra manter a caminhonete inteira até o final. Empurrei o Alex até o final, comentei que empurraria ele até estourar o motor. Até torci pro (Guilherme) Bianchini descer e nos ajudar também. Bom que deu para trazer esse resultado”, destacou.

Bianchini chegou na quarta posição, à frente de Carlos Luciano e Marcio Caetano. Líderes do campeonato, Romar Arns e Jr. Borborema foram vítimas dos acidentes e, com avarias no carro, não puderam que um sétimo e um décimo lugar. Entre os dos principais candidatos ao título terminaram Michel Battiston e Cristiano Cangani.

A próxima etapa da M7 Help Volantes Truck Series será realizada na próxima quinta-feira (11), no oval de Kentucky.