Capacete de Ouro: “Oscar do Automobilismo” homenageou e premiou os melhores pilotos do Brasil

A maior premiação do esporte a motor do Brasil foi marcada pelo 22º ano consecutivo com a presença dos mais importantes esportistas, dirigentes e empresários do setor automotivo na noite da última quarta-feira (07/11). A 22ª edição do Capacete de Ouro contemplou os melhores pilotos e navegadores brasileiros em solenidade na Arena RACING, dentro do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo 2018, no São Paulo Expo-SP.

“Depois da nossa maioridade, é hora de mudar, ousar e evoluir, como tudo no mundo. Agora o 22º Capacete de Ouro está diferente, mais Motorsport do que nunca, contemplando também o segmento de motos, como também pudemos presenciar em vários estandes do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo. Temos experiência e maturidade para seguir em frente com muito mais força e brilhantismo”, discursou Isabel Reis, organizadora do Capacete de Ouro e Diretora Geral da Motor Mídia.

O ‘Oscar do automobilismo’ contemplou os pilotos e navegadores brasileiros de 11 categorias em 2018: Fórmula Indy, Fórmula E, Internacional Top, Internacional, Stock Car, Nacional, Formação de Pilotos, Kart, Revelação, Off-Road, e Rali. O Capacete de Ouro premiou pela primeira vez pilotos de categorias de Velocidade na Terra e Brasileiro de Turismo, com um troféu de Honra ao Mérito.

Outra novidade é que os principais pilotos de moto foram contemplados pela primeira vez, com o apoio da revista Motociclismo, também da editoria Motor Mídia, e com uma homenagem ao piloto Eric Gramado, principal brasileiro na motovelocidade internacional nos últimos anos e que estreará na novíssima categoria de motos elétricas, MotoE.

O evento contou ainda com a apresentação de uma nova categoria do automobilismo nacional, a HB20 Motorsport, que utilizará o modelo HB20 R Spec da Hyundai no Brasil.

A participação internacional desta vez ficou por conta da presença do alemão Nico Hülkenberg, piloto da Renault na Fórmula 1, e Jérôme Stoll, presidente da Renault Sport, que foram homenageados e entrevistados ao lado do presidente da Renault do Brasil, Luiz Fernando Pedrucci.

O ponto alto da cerimônia foi a participação do bicampeão mundial de Fórmula 1 e Fórmula Indy Emerson Fittipaldi, que ao lado do presidente da Kia do Brasil, José Luiz Gandini, recebeu das mãos do artista e designer Alan Mosca um capacete pintado na cor dourada. Ayrton Senna foi homenageado pelos 30 anos do primeiro do seu primeiro título de campeão Mundial de Fórmula 1, através de sua sobrinha Bianca Senna, Diretora de Branding do Instituto Ayrton Senna.

Foram homenageados também os patrocinadores Hyundai, Pirelli, Renault, Mitsubishi, CBA e Reed Exhbitions Alcantara Machado.

Capacete de Ouro - Sergio Sette
Foto: Renato Bueno/MotorMidia

Confira os vencedores do 22º Capacete de Ouro:

Fórmula Indy: Tony Kanaan

Fórmula E: Lucas Di Grassi

Internacional Top: Sérgio Sette Câmara

Internacional: Enzo Fittipaldi

Stock Car: Daniel Serra

Nacional: Felipe Giaffone

Formação de Pilotos: Gabriel Silva

Rali: Paulo Nobre/Gabriel Morales

Off-Road: Cristian Baumgart/Beco Andreotti

Kart: Felipe Bartz

Revelação: Vinícius Tessaro

Velocidade na Terra – Autocross: Celso Melo

Velocidade na Terra: – Kartcross: Alan Synthes

Marcas A: Fausto de Lucca

Brasileiro de Turismo – Categoria A: Wanderson Freitas/Leandro Freitas

Brasileiro de Turismo – Categoria B: Edson Bueno

Super Moto: Pedro Rehn

Motocross: Carlos Campano

Enduro: Bruno Crivilin

Rali: Gregório Caselani

Quadriciclo: Geison Belmont

UTV: Denísio Nascimento

Motovelocidade: Alex Barros

O Capacete de Ouro 2018 é apresentado pela Hyundai, tem patrocínio Master de Pirelli, apoio da Renault, Mitsubishi, CBA e Reed Exhbitions Alcantara machado (Salão Internacional do Automóvel de São Paulo), e é promovido pela revista RACING, da Motor Mídia/Matel.