Yamaha pede desculpas aos pilotos após fraca qualificação na Áustria

Kouji Tsuya, líder da Yamaha na MotoGP, pediu desculpas a Valentino Rossi e Maverick Viñales, após uma fraquíssima qualificação para o GP da Áustria.

Viñales vai largar em 11º, enquanto Rossi parte do distante 14º lugar, na corrida deste domingo. Os problemas surgiram no Red Bull Ring, destacando as dificuldades de aceleração da moto, a maior fraqueza da Yamaha este ano.

“Temos que pedir desculpas aos pilotos porque (temos) menos desempenho, desempenho de aceleração agora”, disse Tsuya.

“Esta pista é difícil para nós, porque não conseguimos alcançar a entrega de potência para os pilotos. É por isso que foi talvez o pior resultado de qualificação para nós.”

Rossi respondeu esperar que o pedido de desculpas signifique maior agilidade na solução dos problemas, ficando no aguardo de que a equipe ofereça o “máximo de correção”.

A Yamaha planeja realizar dois testes, em Misano e Aragón, antes e depois da próxima jornada de Silverstone, respectivamente.

“Temos um teste em Misano antes de Silverstone e depois também temos o teste em Aragón para encontrar a solução para estas dificuldades”, confirmou Kouji Tsuya.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *