Rins consegue vitória sensacional na última curva em Silverstone

Alex Rins venceu sensacionalmente o Grande Prémio da Inglaterra em Silverstone, com uma ultrapassagem na última volta sobre o líder da corrida, até então, Marc Marquez.

Rins chegou nas três primeiras posições na primeira volta, após um forte acidente envolvendo Andrea Dovizioso e Fabio Quartararo, que teve a moto de Dovi pegando fogo.

Quartararo perdeu a traseira de sua M1 da SRT Petronas e caiu, com Dovizioso atingindo a moto caída ’em cheio’.

A Ducati ‘decolou’ e pegou fogo quando caiu, deslizando até a barreira de pneus na saída de Copse, com Dovizioso sendo lançado para o alto e caindo violentamente no chão. Felizmente até as últimas informações, sem grandes consequências para Dovi e Quartararo.

Enquanto isso, Rins passou por Valentino Rossi que estava em segundo, atrás do rápido Marquez, e começou a aumentar a pressão sobre o piloto da Honda, enquanto a dupla começou a abrir do resto.

Foi assim que ficou pela maior parte da corrida, com Rins perseguindo Marquez até a última volta, onde ele fez sua grande ultrapassagem na última curva.

Vinales superou Rossi e cruzou a linha na terceira posição, menos de um segundo atrás dos dois primeiros.

Valentino Rossi garantiu o quarto lugar, enquanto lutava para igualar o ritmo dos três primeiros, seguido por Franco Morbidelli da Petronas.

O herói da casa, Cal Crutchlow, apenas conseguiu o sexto lugar para a LCR Honda, à frente da Ducati de Danilo Petrucci, que superou Jack Miller da Pramac no sétimo nas últimas voltas.

Pol Espargaró conseguiu levar a sua KTM para casa em nono, enquanto Andrea Iannone igualou o seu melhor resultado da temporada até ao momento para a Aprilia, completando os dez primeiros.

Jorge Lorenzo conseguiu lutar contra a barreira da dor em sua trajetória desde a contusão nas costas, marcando dois pontos em 14º, superando Karel Abraham, e cruzando a linha logo atrás de Hafizh Syahrin, da Tech3.

Takaaki Nakagami não conseguiu terminar quando sofreu uma queda na curva 16, enquanto estava em oitavo, e Johann Zarco, da KTM, e Miguel Oliveria, da Tech3, também abandonaram, quando Zarco tentou mergulhar por dentro do piloto português na The Loop e ambos caíram.

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/IHEmXnwxu3JDk3pmRviZ7r

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – O que um piloto de Fórmula E faz durante as férias?

 

PORSCHE CUP BRASIL | ETAPA ESTORIL 2019 | MELHORES MOMENTOS:

 

Fórmula E: Como pilotos e equipes se comunicam:

 

Eurofarma terá quatro carros e Di Grassi na Corrida do Milhão da Stock Car:

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: