Albert Arenas vence disputa acirrada da Moto3 na Tailândia

Albert Arenas fez uma excelente última volta para vencer o Grande Prêmio da Tailândia de Moto3 enquanto a briga pelo campeonato acontecia atrás dele.

O piloto da Gaviota Angel Nieto Team mostrou que estava bem adaptado às condições quentes e difíceis, liderando o warm-up e continuando assim na corrida.

O espanhol então traduziu seu início na primeira fila, o que lhe permitiu ficar na mistura e sem problemas em uma vitória dominante da KTM, sua primeira visita ao pódio da temporada com uma vitória depois de fazer todos os movimentos certos para ficar à frente na última volta depois de uma corrida disputada entre os líderes.

O piloto da Leopard Racing, Lorenzo Dalla Porta, lutou para conquistar a vitória até a linha de chegada, mas teve que se contentar com o segundo lugar – o que se traduz em pontos valiosos no campeonato – aumentando sua liderança para 22.

O rival do título, Aron Canet, viu sua chance de recuperar pontos acabar depois que uma manobra precipitada de Darryn Binder o empurrou para fora da pista, iniciando um acidente que não só pegou Canet, mas também Tatsuki Suzuki e John McPhee. Binder foi penalizado por suas ações.

O último lugar no pódio foi para Alonso Lopez, aos dezessete anos de idade conseguiu o seu melhor resultado de sempre depois de correr no grupo da frente e, muitas vezes, liderar o caminho para Estrella Galicia 0,0.

O companheiro de equipe de Dalla Porta, Marcos Ramirez, ficou em quarto lugar, com Dennis Foggia em quinto depois de se classificar em décimo segundo para o Sky Racing Team VR46.

Seu companheiro de equipe, Celestino Vietti, realizou uma recuperação tardia – passando da pole para fora dos dez primeiros, o novato se recuperou e voltou para o sexto lugar.

O italiano chegou à frente de Kaito Toba (Honda Team Asia) na corrida, enquanto Stefano Nepa foi o próximo a ver a bandeira quadriculada, conquistando seu primeiro top ten da temporada pelo Reale Avintia Arizona em oitavo.

Raul Fernandez (equipe Gaviota Angel Nieto) ficou mais de nove segundos atrás do vencedor na P9, com Tony Arbolino (VNE Snipers) em décimo.

Filip Salac (Redox PruestelGP), seu companheiro de equipe e o companheiro de equipe de Jakub Kornfeil, Riccardo Rossi (Kommerling Gresini Moto3) e Makar Yurchenko receberam penalidades antes da corrida, mas todos vieram do fundo da grid para preencher a décima primeira, décima segunda e décima terceira e décima quinto posições, respectivamente.

Sergio Garcia dividiu os pilotos penalizados, ocupando o 14º lugar na classificação para Estrella Galicia.

Confira o resultado final da Moto3 na Tailândia:

1) Albert Arenas (KTM)
2) L.Dalla Porta (Honda)
3) Alonso López (Honda)
4) Marcos Ramírez (Honda)
5) Dennis Foggia (KTM)
6) Celestino Vietti (KTM)
7) Kaito Toba (Honda)
8) Stefano Nepa (KTM)
9) Raúl Fernández (KTM)
10) Tony Arbolino (Honda)
11) Filip Salač (KTM)
12) Jakub Kornfeil (KTM)
13) Riccardo Rossi (Honda)
14) Sergio García (Honda)
15) Makar Yurchenko (KTM)
16) Davide Pizzoli (KTM)
17) Kevin Zannoni (Honda)
18) Kazuki Masaki (KTM)
19) Deniz Öncü (KTM)
20) Darryn Binder (KTM)
OUT) Andrea Migno (KTM)
OUT) Ai Ogura (Honda)
OUT) Tom Booth-Amos (KTM)
OUT) José García (Honda)
OUT) Aròn Canet (KTM)
OUT) Ayumu Sasaki (Honda)
OUT) Tatsuki Suzuki (Honda)
OUT) John McPhee (Honda)
OUT) Gabriel Rodrigo (Honda)
 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/KUVbJ5O2AJpLLNcrZygtzy

 

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/f1mania?sub_confirmation=1

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – EXTREME E revela área da Amazônia, no Brasil, onde acontecerá etapa da categoria:

 

AUDI apresenta o E-TRON FE06 para a temporada 2019/20 da FÓRMULA E:

 

O que um piloto de Fórmula E faz durante as férias?

 

PORSCHE CUP BRASIL | ETAPA ESTORIL 2019 | MELHORES MOMENTOS:

 

Fórmula E: Como pilotos e equipes se comunicam:

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: