Navarro na pole em Phillip Island na Moto2

Jorge Navarro conquistou a pole depois de liderar as tabelas de tempos quando a chuva voltou, antes do Grande Prêmio da Austrália de Moto2 em Phillip Island.

O piloto do Speed Up conquistou a terceira pole da temporada, com o clima mantendo uma limitação na qualificação, com as condições escorregadias sendo difíceis de dominar.

O melhor tempo de 1.33.565s do espanhol, permaneceu no topo, mesmo com Brad Binder se aproximando, mas terminando 0.321s atrás.

Luca Marini, que venceu no Japão, completou a primeira fila, aproveitando o tempo de pista no Q1, ele foi o único piloto da Kalex entre os cinco primeiros lugares, em um circuito em que as motos tiveram que lutar nas condições de chuva e vento.

Fabio Di Giannantonio já havia conseguido encontrar velocidade suficiente na turbulenta sessão do TL3 para entrar nos 14 primeiros e ir diretamente para o Q2, o melhor piloto novato parecia novamente controlar o mau tempo ao garantir o quarto lugar na segunda Speed Up.

Jorge Martin (Red Bull KTM Ajo) também fez o suficiente para garantir a segunda fila garantindo a quinta posição, antes do aparecimento das bandeiras de chuva.

Sam Lowes foi o sexto mais rápido na qualificação pela Gresini, mas enfrenta uma penalidade de grid, por pilotagem irresponsável após sua briga com Jesko Raffin no TL2.

O líder do campeonato, Alex Marquez, começará em sétimo, em sua primeira oportunidade de conquistar o título com a EG 0,0 Marc VDS, à frente de Raffin (NTS RW Racing GP) no oitavo lugar e Marco Bezzecchi em nono pela Red Bull KTM Tech 3.

Iker Lecouna fez o suficiente para garantir uma posição entre os dez primeiros.

Tom Luthi (Dynavolt Intact GP) ficou em segundo no campeonato após a corrida no Japão, mas terá muito o que fazer para manter sua luta final pelo título, largando em décimo primeiro.

Tetsuta Nagashima (ONEXOX TKKR SAG) também vai descer no grid, depois de se classificar em décimo segundo lugar, mas com uma penalidade de três posições a ser adicionada à sua posição no grid.

Seu companheiro de equipe, Remy Gardner, também não tinha a melhor qualificação antes do GP em casa, o australiano precisou passar pelo Q1 com Marini, Vierge e Lowes com a chuva chegando na hora errada, deixando-o na 15ª posição.

Vários grandes nomes não conseguiram progredir no Q1, Lorenzo Baldassarri ficou mais próximo no 19º lugar na Flexbox HP 40.

Lukas Tulovic teve um tombo assustador, mas memorável, na curva Doohan, no Q1, deixando-o em 31º no grid.

Jake Dixon (Equipe Gaviota Angel Nieto) teve dificuldades e ficou na 25ª posição.

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/HCe0RomLk5a0es06X99dHI

 

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/f1mania?sub_confirmation=1

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – 12º no geral, Felipe Massa comenta os testes da pré-temporada FÓRMULA E 2019/2020 realizado em Valência:

 

Lucas Di Grassi comenta os testes da pré-temporada 2019/2020 da Fórmula E

 

EXTREME E revela área da Amazônia, no Brasil, onde acontecerá etapa da categoria:

 

AUDI apresenta o E-TRON FE06 para a temporada 2019/20 da FÓRMULA E:

 

O que um piloto de Fórmula E faz durante as férias?

 

PORSCHE CUP BRASIL | ETAPA ESTORIL 2019 | MELHORES MOMENTOS:

 

Dirigimos LAMBORGHINI, MCLAREN e MERCEDES em Las Vegas: