Lorenzo Baldassarri vence primeira etapa da temporada 2019 da Moto2

Lorenzo Baldassarri conquistou sua primeira vitória na Moto2 por 0.026 segundos, depois de uma disputa intensa na última volta do GP do Catar com Tom Luthi.

Baldassarri assumiu a liderança logo no começo, mas ficou sob grande pressão nas últimas voltas por Luthi, conseguindo resistir até a linha de chegada.

Xavie Vierge assumiu a liderança do pole-position Marcel Schrotter logo na largada, com Baldassarri ficando entre os pilotos da Marc VDS e IntactGP.

Baldassarri começou seu reinado na liderança na segunda volta, e rapidamente conseguiu abrir três décimos, que foi estendido para mais de meio segundo nas voltas seguintes.

Vierge começou a perder terreno rapidamente, com Schrotter, Remy Gardner (SAG) e Alex Marques (Marc VDS) conseguindo passar na sétima volta.

Isto permitiu Baldassarri abrir uma liderança de sete décimos, porém Schrotter conseguiu diminuir essa desvantagem para

Atrás, Luthi silenciosamente começou a escalar o pelotão vindo da 10ª posição para colocar pressão em Marquez pelo quarto lugar, que ele conseguiu assumir na volta 12.

Luthi entrou logo em seguida em uma disputa com Garner, capitalizando em um erro do australiano na Curva 6 a seis voltas do final, antes de passar Schrotter na Curva 1 duas voltas depois.

Baldassarri deve sua liderança diminuída para apenas três décimos por Luthi ao começar a volta final, com Luthi pensando sobre uma manobra na Curva 13. O piloto, de fato, tentou na última curva, mas Baldassarri prevaleceu por apenas 26 milésimos para conquistar a terceira vitória da sua carreira.

Schrotter conquistou seu primeiro pódio ao ultrapassar Gardner na última curva, com Augusto Fernandes completando o top 5.

Sam Lowes, da Gresini, tentou buscar a última posição no pódio nas voltas finais, mas terminou em sexto, à frente de Marquez e Luca Marini, da Sky VR46.

Enea Bastianini foi o melhor novato em nono em sua Italtrans, com Vierge caindo para 10º no final à frente do estreante Fabio Di Giannantonio, Brad Binder, Andrea Locatelli, Jesko Raffin e o atual campeão da Moto3 Jorge Martin

Nicolo Bulega e Iker Lecuona estiveram envolvidos em uma colisão na largada, com Jorge Navarro também não conseguindo passar da primeira curva.