Bagnaia acha que no momento está um passo à frente

Mais 25 pontos para “Pecco”, após a vitória em Misano, deixando o italiano na frente de Oliveira na luta pelo Campeonato da Moto2.

Depois de garantir a sua primeira vitória em casa, no Grande Prêmio de San Marino, Francesco Bagnaia (SKY Racing Team VR46), ampliou sua vantagem no Campeonato da Moto2, em oito pontos sobre Miguel Oliveira (Red Bull KTM Ajo). O piloto terminou em segundo lugar, com o italiano acreditando que ele está um passo à frente na competição nesta etapa da temporada.

“Com certeza, esta é uma das corridas mais importantes da minha vida”, começou Bagnaia, que alcançou sua sexta vitória na temporada no GP de San Marino. “Foi um ótimo final de semana para nós, porque em todas as sessões estávamos trabalhando para a corrida, e finalmente, ganhamos na frente desses incríveis fãs, é muito impressionante e quero agradecer ao meu time pelo incrível trabalho dessas últimas três semanas. No momento, estamos um passo à frente dos outros, acho, mas temos que ficar calmos para as próximas corridas. Estou muito feliz e quero agradecer à minha equipe.”

O piloto de 21 anos tem agora três pole positions e duas vitórias seguidas, e poderiam ter sido três vitórias nas últimas três corridas se a corrida de Silverstone tivesse acontecido. Mas o que mudou depois de uma vitória em cinco, de Mugello a Brno? “Na Áustria, fizemos um tipo diferente de trabalho, um cenário diferente”, explicou o oito vezes vencedor do Grande Prêmio. “E no momento eu tenho duas vitórias e três pole positions, apenas porque em Silverstone nós não estávamos competindo. Nós temos um bom nível, eu acho”.

Aragon, agora aparece no horizonte, enquanto a batalha no Campeonato Intermédiário entra em uma fase crítica da temporada, mas é uma pista que Bagnaia não gosta particularmente: “Aragon não é uma pista que eu realmente goste, mas nós fizemos um bom teste lá depois da corrida em Le Mans, ou depois de Jerez, e eu fui rápido”, disse o italiano, que está mais do que consciente da ameaça que Oliveira fará novamente: “Com certeza Oliveira será rápido como nós, mas se continuarmos assim com cinco pontos em todas as corridas, tudo bem, e meu objetivo é chegar na frente dele para tentar vencer”, concluiu.