KTM enfrenta problemas para substituir Pol Espargaro até a corrida de Silverstone

A KTM está com um grande dilema para substituir Pol Espargaro na corrida de Silverstone pela MotoGP. O espanhol sofreu uma fratura na clavícula em um acidente, o ocorrido fez com que o piloto ficasse sem sentir as pernas e braços em primeiro momento.

Enquanto isso, o piloto de teste da equipe, Mika Kallio, também está lesionado após um acidente em Sachsenring. A KTM então, corre contra o tempo para apresentar alguém daqui duas semanas para o Grande Prêmio da Inglaterra, o regulamento da categoria diz que as equipes devem apresentar um substituto qualificado até dez dias após a desistência do titular.  Contudo, existe a esperança de Espargaro se recuperar a tempo.

Quando questionado no Red Bull Ring, se o time já tem nomes para analisar, o diretor da KTM,  Pit Beirer, confirmou que sim, mas disse que será uma decisão complicada, “primeiro, esperamos que Pol esteja bem (para a corrida) – se não, temos um problema. Não há muitos caras sentados em casa no sofá e esperando por uma ligação da KTM para pilotar”.

Beirer contou, que eles entraram em contato com  o antigo piloto da Tech3 Yamaha, Jonas Folger, mas por motivos de doença o piloto se afastou das pistas,  “posso dizer que fizemos nosso dever de casa e ligamos para ele, mas é claro que a decisão dele não foi competir neste ano, e isso não mudou, então nem esperávamos uma resposta diferente”.

O diretor não deixou de brinca sobre a situação e até pediu ajuda, “se alguém tiver uma ideia muito inteligente, me envie um e-mail!”.