Austin declara estado de emergência e ameaça etapa da MotoGP - MotoGP - F1Mania

Austin declara estado de emergência e ameaça etapa da MotoGP

A MotoGP poderá ter de remarcar mais uma prova do calendário da temporada 2020. Nessa sexta-feira (6), a prefeitura de Austin, nos Estados Unidos, declarou “estado de desastre local” na capital do estado americano do Texas por conta do coronavírus. O estado declarado pelo prefeito Steve Adler e pela juíza Sarah Eckhard, ameaça a realização do Grande Prêmio das Américas, marcado para o dia 5 de abril no Circuito das Américas.

Na prática, eventos que reúnam mais de 2.500 pessoas em Austin serão suspensos pela prefeitura da cidade, exceto no caso de os organizadores do evento conseguirem provar ao Departamento de Saúde Pública da capital texana que tomarão atitudes capazes de impedir a propagação do coronavírus.

Entre os eventos já cancelados em Austin, está o South by Southwest (SXSW), que tinha seu início previsto para o dia 13 de março. O estado americano do Texas possui até agora 17 casos de coronavírus confirmados, de acordo com a imprensa local, mas nenhum na capital do estado.

Após a divulgação do novo calendário da temporada 2020 da MotoGP, o CEO da categoria, Carmelo Ezpeleta, disse admitir a realização de corridas com portões fechados por conta da disseminação do coronavírus, caso seja necessário.

Caso o GP das Américas não possa ser disputado, a temporada 2020 da MotoGP será aberta no dia 19 de abril, com a realização do Grande Prêmio da Argentina, marcada para o circuito de Termas de Río Hondo.