Newgarden vence a corrida um em Detroit; Dixon abandonou pela 1ª vez em dois anos

Josef Newgarden venceu o Grande Prêmio de Detroit, depois da largada ter sido adiada devido a forte chuva no circuito em Belle Isle.

A Penske foi perfeita na estratégia de Newgarden, e o americano conseguiu segurar o pole Alexander Rossi nos estágios finais da corrida. Rossi terminou em segundo, com Takuma Sato completando o pódio da corrida um.

Devido ao atraso causado pela chuva, a corrida foi alterada para um evento cronometrado de 75 minutos. A água na pista também obrigou que a largada acontecesse em fila única, e devido a ser uma corrida no molhado, as equipes não precisaram usar os dois conjuntos de pneus slicks.

Zach Veach perdeu sua oitava posição durante a volta final das três de aquecimento, e teve a sorte de apenas cair para o final do pelotão, sem danos em seu carro. O ex-piloto de Fórmula 1 Marcus Ericsson relatou problemas em sua caixa de câmbio, mais foram minimizados depois de uma reinicialização do sistema.

Com o sinal verde, Marco Andretti foi o primeiro a apostar nos pneus slicks na volta 12 e quase acertou as barreiras em diversos momentos, enquanto lutara para ter aderência.

O fim de semana de Will Power não começou bem em Belle Isle. Depois de uma decepcionante qualificação as coisas ainda pioraram quando ele entrou para seu primeiro pitstop. O carro foi liberado sem que a roda dianteira direita estivesse devidamente presa, forçando o australiano a voltar aos boxes em três rodas.

Scott Dixon foi um dos principais destaques da corrida, no entanto, ele cometeu um erro incomum de julgamento na curva 6, indo direto para o muro e trazendo uma bandeira amarelo. Foi o primeiro abandono de Dixon em dois anos.

A próxima amarela veio na volta 28, depois que Matheus Leist acertou as barreiras na curva 7.

Felix Rosenqvist não conseguiu passar Sato nos estágios finais da corrida, mas ultrapassou Ryan Hunter-Reay e o vencedor da Indy 500 Simon Pagenaud para terminar na quarta posição. Graham Rahal teve uma corrida tranquila na sétima posição, à frente da boa recuperação de Veach para a Andretti Autosport.

James Hinchcliffe e Spencer Pigot completaram os dez melhores para a Schmidt Peterson Motorsport e Ed Carpenter Racing, respectivamente.

Tony Kanaan, companheiro de equipe de Leist, terminou em 15º depois de largar em 21º.

A rodada dupla da IndyCar em Detroit retorna neste domingo (02) com a qualificação para a segunda corrida às 11h15. A largada da corrida dois acontece às 16h50, sempre no horário de Brasília.

Confira o resultado final da corrida 1 da IndyCar em Detroit:

1) Josef Newgarden (Penske Chevrolet)
2) Alexander Rossi (Andretti Honda)
3) Takuma Sato (RLL Honda)
4) Felix Rosenqvist (Ganassi Honda)
5) Ryan Hunter-Reay (Andretti Honda)
6) Simon Pagenaud (Penske Chevrolet)
7) Graham Rahal (RLL Honda)
8) Zach Veach (Andretti Honda)
9) J.Hinchcliffe (SPM Honda)
10) Spencer Pigot (Carpenter Chevrolet)
11) S.Bourdais (Dale Coyne Honda)
12) Colton Herta (Harding Honda)
13) Marcus Ericsson (SPM Honda)
14) Patricio O’Ward (Carlin Chevrolet)
15) Tony Kanaan (Foyt Chevrolet)
16) Marco Andretti (Andretti Honda)
17) Max Chilton (Carlin Chevrolet)
18) Will Power (Penske Chevrolet)
19) Santino Ferrucci (Dale Coyne Honda)
20) Ed Jones (Carpenter Chevrolet)
21) Matheus Leist (Foyt Chevrolet)
22) Scott Dixon (Ganassi Honda)

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/F9GwK1YT4yACqHsym6pqu8

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX DE BERLIM | Melhores Momentos | FÓRMULA E 2018/19 – 10ª etapa:

 

Lucas di Grassi comenta VITÓRIA no ePrix de Berlim 2019 – Fórmula E:

 

STOCK CAR 2019 | Goiânia | MELHORES MOMENTOS (4ª e 5ª etapa):

 

WILSINHO FITTIPALDI e seu “ADEUS” para NIKI LAUDA:

 

GP DO BRASIL 2020 será realizado no RIO DE JANEIRO, diz JAIR BOLSONARO:

 

Vídeo mostra o traçado do novo AUTÓDROMO de DEODORO no RIO DE JANEIRO

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: