“Entrada da McLaren na Indy em tempo integral está na mesa”, diz Brown

O presidente executivo da McLaren Racing, Zak Brown, disse que uma entrada em tempo integral na Indy no próximo ano, é mais provável do que uma única participação em Indianápolis.

Após uma falha de sua equipe em classificar para a Indy 500 deste ano, Brown disse à Racer que achava mais sensato a equipe focar na mesma corrida em 2020, a fim de garantir que ela aprenda com seus erros. Na época, Brown descreveu como “altamente improvável” uma participação em tempo integral, enquanto que agora isso mudou, para que possa avaliar o futuro da McLaren nos Estados Unidos.

“Eu acho que se você está com um fracasso, você precisa aprender com isso e crescer. Eu acho que a coisa mais fácil não é voltar ao cavalo, mas você não pode fazer isso na vida. Você precisa se limpar e voltar ao cavalo. Então, isso é sob revisão ativa”.

“Que nós faríamos isso de forma diferente, é desnecessário dizer. E se fizesse isso, eu estaria mais inclinado a fazer isso em uma base de tempo integral do que uma única participação. Eu tentei isso, e é uma tarefa bem difícil”.

Fernando Alonso pilotou pela McLaren em Indianápolis este ano, e mantém uma associação com a equipe, mas afirmou que não seria capaz de fazer uma temporada completa na Indy. Brown acha que esta atitude pode mudar, e que Alonso é a escolha perfeita para este projeto.

“Eu penso em Fernando, queríamos que ele testasse o nosso carro de Fórmula 1 para validar tudo aquilo que estava no passado. Então, uma única declaração que foi feita que ele não testaria mais o nosso carro de Fórmula 1, e em seguida, esta, seria errado, porque nosso relacionamento está muito intacto comercialmente, contratualmente, nada mudou”.

“Eu adoraria envolvê-lo em um programa na Indy, se o fizermos. Ele está indeciso sobre o que faz no próximo ano. Acho que esta é a primeira vez em 17 ou 18 anos, que ele não tem o calendário cheio de corridas no próximo ano, então eu acho que ele precisa aproveitar as férias de verão, para que você possa se reconciliar com o que ele quer fazer. Mas se formos para a Indy e ele quiser, é claro que ele está no topo da nossa lista”.

“Não queremos fugir dos holofotes. Eu acho que Fernando traz uma quantidade enorme de foco, mas eu acho que a McLaren também. Então, isso não leva em consideração nossa maneira de pensar: ‘Vamos pegar um piloto que não vem com tanta pressão’. Se entrarmos na Indy, venceremos corridas. Estando com Fernando ou outro piloto. Então eu não acho que isso mude essa dinâmica”, completou.

 

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX de NOVA YORK corrida 2 | Melhores momentos | Fórmula E 2018/19 – 13ª etapa:

 

ePRIX de NOVA YORK corrida 1 | Melhores momentos | Fórmula E 2018/19 – 12ª etapa:

 

LUCAS DI GRASSI comenta 3º lugar na temporada 2018/19 da FÓRMULA E:

 

GP DO BRASIL 2020 será realizado no RIO DE JANEIRO, diz JAIR BOLSONARO:

 

Vídeo mostra o traçado do novo AUTÓDROMO de DEODORO no RIO DE JANEIRO

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: