Fórmula E suspende por dois meses a sexta temporada

A competição de carros elétricos anunciou nesta sexta-feira (13) a suspensão temporária da atual temporada

Uma das categorias que já vinha sofrendo cancelamentos de etapas por conta da disseminação do coronavírus, a Fórmula E anunciou oficialmente que a sua atual temporada está suspensa por dois meses, conforme a F1Mania havia adiantado durante esta semana.

A possível paralisação do campeonato já estava em discussão a alguns dias, e foi oficialmente confirmada nesta sexta-feira. Assim como a Fórmula E, diversas competições esportivas ao redor do mundo estão sendo impactados por conta do coronavírus, entre eles a F1, que anunciou ontem o cancelamento do GP da Austrália.

Fundador e Presidente da Fórmula E, Alejandro Agag explicou no comunicado oficial, os motivos que levaram a categoria e a FIA – Federação Internacional de automobilismo a tomar essa medida preventiva.

“Agora é a hora de tomar ações responsáveis e é por isso que decidimos suspender temporariamente o campeonato e avançar com a introdução de medidas para impedir que as corridas ocorram nos próximos dois meses.”

“O automobilismo desempenha um papel importante em nossas vidas e é importante, mas o mais importante é a saúde e a segurança de nossa equipe, torcedores e suas famílias, além de cidadãos das cidades nas quais competimos. A Fórmula E estará de volta com força total, uma vez que a crise de saúde em andamento e a expansão do COVID-19 diminuir.”

Além da suspensão da atual temporada, a Fórmula E anuncio a implementação um sistema de bandeiras para determinar diferentes fases e janelas de tempo em que as corridas poderão ser reorganizadas ou permanecer inalteradas, com vermelho representando nenhuma corrida, amarelo mantendo a oportunidade aberta e verde seguindo em frente como planejado.

Os meses marcados como bandeiras vermelhas são março e abril, com maio atualmente classificado como bandeira amarela e junho e julho com bandeira verde, caso a situação melhore e se estabilize.

Como conseqüência da suspensão, não será mais possível competir em Paris, Seul ou Jacarta, como anunciado anteriormente nas datas originalmente programadas.