Wolff afirmou que ordem de equipe na Rússia foi de “partir o coração”

O chefe da equipe Mercedes, Toto Wolff, afirmou que a decisão de trocar a posição de seus pilotos na Rússia para dar a vitória à Lewis Hamilton, foi de partir o coração.

A decisão veio logo após a metade da prova, depois que Valtteri Bottas se classificou para a pole position e liderou a maior parte da corrida até aquele momento.

No entanto, para aumentar a liderança no campeonato de pilotos, o finlandês foi convocado a deixar Hamilton passar para conquistar a vitória.

“Tivemos que executar essa ordem terrível de equipe”, disse Wolff.

“Era a corrida para Valtteri vencer, mas a fim de coletar os pontos certos para Lewis, demos a ordem”.

“Foi algo que ninguém gostou, você podia ver claramente que os rostos não estavam felizes com a situação e também comigo, era algo que ia contra todos os nossos princípios de corrida que é ‘que o melhor cara vença’.”

O austríaco afirmou que partiu seu coração, mas que eles tiveram que fazê-lo para manter a distância para os concorrentes mais próximos, a Ferrari.

“Quando Valtteri abriu para Lewis passar, isso partiu meu coração e eu senti por ele, porque me senti muito mal sobre isso”, disse ele.

“Mas esse esporte pode ser cruel às vezes e esse foi um desses momentos”.

“Mas nesse momento estávamos em uma luta tão dura com a Ferrari, que não havia como deixar pontos na mesa.”

O próprio Bottas disse que aceitaria as ordens da equipe novamente se surgisse uma situação semelhante.

“Foi difícil de aceitar, mas nesse momento, com essas circunstâncias, com os pontos e tudo mais. Eu sou um piloto da equipe, eu joguei para a equipe, e eu faria novamente amanhã”, o finlandês afirmou.

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – “Caso desista da F1, Red Bull pensa em Le Mans como opção”:

 

“Schumacher não respira com ajuda de aparelhos”, diz jornal britânico:

 

Confira os melhores momentos da Fórmula E na Arábia Saudita:

 

EQUIPES E PILOTOS | FORMULA E 2018/2019 | Campeonato ABB FIA Fórmula E

 

Assista ao “RESUMÃO” das novidades da F-E para temporada 2018/2019?