Racing Point irá usar o túnel de vento da Mercedes

A Racing Point começará a usar o túnel de vento do seu fornecedor de motores, a Mercedes, para o desenvolvimento de seus carros mais tarde nesta temporada.

Eles vinham utilizando o túnel de vento da Toyota Motorsport em Colônia, desde 2015.

Ainda não está claro se a equipe alugará tempo no atual túnel de escala de 60% da Mercedes, ou em seu antigo modelo de 50%. No entanto, como a equipe usou anteriormente um túnel de 60%, o maior permitido pelas regulamentações da F1, é improvável que esteja preparada para reduzir o tamanho.

Um porta-voz da Racing Point disse à RaceFans, que a vantagem em usar o túnel de vento da Mercedes, inclui sua proximidade com a base de Silverstone, além de ganhos potenciais em eficiência e redução de custos.

No entanto, o movimento pode levar a especulações de que a equipe está planejando se aproximar, para se tornar uma “equipe B” da Mercedes, assim como no acordo da Haas com a Ferrari.

A Haas faz uso total das regras que permitem às equipes adquirir “peças listadas” de equipes rivais, e origina sua unidade de potência, caixa de câmbio e componentes de suspensão da Ferrari. A Racing Point já obtém unidades de potência, caixas de câmbio, hidráulica e eletrônica de motor da Mercedes, mas projeta e constrói sua própria suspensão.

Espera-se que a Racing Point começará a usar o túnel de vento da Mercedes no segundo semestre deste ano, quando iniciará o desenvolvimento de seu novo carro para a temporada de 2020.

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX DE SANYA | Melhores Momentos | FÓRMULA E 2018/19 – 6ª etapa

 

‘GAME OF ROMES’ – Fórmula E lança vídeo baseado na série de sucesso GAME OF THRONES

 

Fórmula 1 anuncia o Brasil como uma das sedes do “F1 Festival” em 2019

 

Confira o GRID COMPLETO da temporada 2019 da COPA TRUCK:

 

F1 2019 | Red Bull apresenta RB15 ‘roxo, preto e vermelho’:

 

F1 2019 | Renault apresenta o RS19

 

F1 2019 | Williams apresenta o novo FW42

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: