Pré-temporada da F1: Ferrari mostra bom ritmo de classificação no penúltimo dia; Mercedes segue no fim do grid

A Ferrari deu uma amostra do seu ritmo para seus rivais Mercedes e Red Bull no penúltimo dia dos testes da pré-temporada da F1 em Barcelona.

O ritmo das equipes aumentou nesta quinta-feira no Circuito da Catalunha, com nove das dez equipes postando seus melhores tempos da pré-temporada um dia antes do final dos testes. A Mercedes foi a exceção.

Em vez disso, Hamilton fez 1:18.097s no composto C2 para terminar na P10 – seis décimos mais rápido do que o melhor tempo anterior com o mesmo pneu, definido por Sebastian Vettel no terceiro dia da primeira semana.

Seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas, P13, ficou ainda mais atrás na tabela de tempos, mas continuou a acumular a quilometragem e ultrapassar o total de 1040 voltas da pré-temporada de 2018.

Mas o mais rápido de todos foi Leclerc com um 1:16.231s definido nos pneus C5 durante a sessão da manhã. Isso está a um décimo da volta mais rápida já vista em Barcelona – um 1:16.173s postado por Hamilton para conquistar a pole no Grande Prêmio da Espanha de 2018.

Com as simulações de corridas tendo prioridade à tarde, o tempo de Leclerc permaneceu no topo e, durante o intervalo para o almoço, ele disse que ainda havia margem para melhorias. Não foi uma tarde tão tranquila para a Ferrari, com uma súbita nuvem de fumaça saindo do SF90, Leclerc parou faltando 20 minutos para o fim do dia.

Alexander Albon, da Toro Rosso, também entrou na casa dos “1:15s” para ser o segundo na tabela de tempos no sétimo dia de testes, com Lando Norris, da McLaren, completando as três primeiras posições.

Pierre Gasly, P4 em seu último dia no RB15 antes da Austrália, também esteve envolvido nas brigas de voltas rápidas pela manhã, mas teve problemas mais uma vez com seu segundo problema nos testes e colocou um fim no programa da Red Bull para esta quinta-feira. Ele rodou e bateu forte na Curva 9.

A Renault também mostrou um pouco mais de ritmo, com Daniel Ricciardo, P5, conseguindo extrair mais de um décimo do R.S.19 comparado ao seu companheiro de equipe, Nico Hulkenberg na P6.

Lance Stroll, da Racing Point, forçou uma segunda bandeira vermelha do dia depois de parar na pista, mas sei tempo anterior de 1:17.556s foi suficiente para deixa-lo na P7.

Antonio Giovinazzi, da Alfa Romeo, foi o oitavo colocado à frente de Romain Grosjean. A Haas teve problemas, Grosjean limitado a apenas 45 minutos de sessão durante a tarde, mas uma volta no fim deixou o francês na P9. Hamilton completou o top 10.

George Russell foi o 11º para a Williams, acumulando mais de 100 voltas para a equipe nesta quinta-feira.

Nesta sexta-feira, 1º de março, acontece o último dia dos testes da pré-temporada 2019 da Fórmula 1.

 

Pré-temporada da F1 – Dia 7:

1 Charles Leclerc Ferrari 1: 16.231 C5

2 Alexander Albon Toro Rosso 1: 16.882 C5

3 Lando Norris McLaren 1: 17.084 C5

4 Pierre Gasly Red Bull 1: 17.091 C5

5 Daniel Ricciardo Renault 1: 17.204 C5

6 Nico Hulkenberg Renault 1: 17.496 C5

7 Lance Stroll Racing Ponto 1: 17,556 C5

8 Antonio Giovinazzi Alfa Romeo 1: 17.639 C5

9 Romain Grosjean Haas 1: 17.854 C4

10 Lewis Hamilton Mercedes 1: 18.097 C2

11 George Russell Williams 1: 18,130 C5

12 Kevin Magnussen Haas 1: 18.199 C3

13 Valtteri Bottas Mercedes 1: 18.862 C3

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX DA CIDADE DO MÉXICO | Melhores Momentos | FÓRMULA E 2018/19 – 4ª etapa

 

F1 2019 | HAAS VF-19 e ALFA ROMEO C38 são apresentados em Barcelona:

 

F1 2019 | Ferrari apresenta SF90 vermelha e preta fosco:

 

F1 2019 | MCLAREN apresenta o MCL34:

 

F1 2019 | Racing Point apresenta seu carro para a Fórmula 1:

 

F1 2019 | Red Bull apresenta RB15 ‘roxo, preto e vermelho’:

 

F1 2019 | Mercedes apresenta nova pintura para o W10:

 

F1 2019 | Renault apresenta o R.S.19:

 

“F1 2019 | Toro Rosso apresenta o STR14”:

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: