Pirelli indica que GP do Azerbaijão terá somente um pit-stop

A fornecedora de pneus da Fórmula 1, Pirelli, acredita que a estratégia de uma parada será a maneira mais rápida de abordar o GP do Azerbaijão deste domingo.

A Pirelli trouxe os compostos C2 (duro), C3 (médio) e C4 (macio) para o circuito citadino de Baku, que não tem tantas curvas de alta que exige muito dos pneus. A empresa italiana destacou que uma abordagem macio/médio, parando na volta 25 de 51, é a melhor estratégia, mas que uma estratégia médio/macio, parando na volta 26, é também uma boa opção.

No entanto foi estressado que há uma “janela larga para o pit-stop, o que significa que ambas as estratégias podem ser realizadas a qualquer momento a partir da volta 15 sem perda de desempenho”.

Os oito primeiros pilotos no grid vão todos largar de pneus macios, enquanto o nono colocado Charles Leclerc pode largar com os médios.

O restante do grid – além do penalizado Antonio Giovinazzi, que deve largar com os macios que ele usou para chegar ao Q3 – tem escolha livre de pneus para a largada.