Lewis Hamilton impressionado com volta “mágica” que lhe rendeu a pole em Singapura

Lewis Hamilton disse que sua pole position em Singapura, que quebrou o recorde anterior em mais de três segundos, “parecia mágica”.

O piloto da Mercedes cravou a volta, 1:36.015, em sua primeira tentativa no Q3 e se mostrou imbatível, já que o rival mais próximo do campeonato, Sebastian Vettel, só conseguiu chegar a seis décimos do seu tempo.

Falando imediatamente após a sessão, Hamilton disse que estava “impressionado” com a volta e admitiu que não conseguia se lembrar de uma volta melhor em sua carreira.

“Uau, essa foi uma sessão de qualificação difícil”, disse o britânico. “Aquela volta pareceu mágica. Eu realmente não sei de onde veio, mas deu certo. Naturalmente, quero agradecer muito a toda a equipe que está na fábrica, já que todos estão trabalhando muito duro para extrair pequenos extras e hoje consegui acertar na primeira volta.”

Ele acrescentou: “Singapura é uma pista bonita e honestamente eu estou super sobrecarregado, meu coração está acelerado, eu posso ter um ataque de ansiedade em um segundo! Honestamente, eu não acho que houve um momento que fosse ruim ou com algum problema, era perfeitamente ao limite. Parece uma das melhores voltas que eu lembro de sentir.”

O chefe de equipe da Mercedes, Toto Wolff, elogiou a habilidade de Hamilton: “É estelar … não posso explicar o que aconteceu naquela volta. Ele é apenas um indivíduo excepcional e um piloto excepcional”.

“A Ferrari teve o ritmo nos últimos anos, mas descobrimos como configurar o carro, então obrigado a todos os caras do Reino Unido porque está funcionando agora. Os pneus não são uma bala de prata, mas são apenas algumas coisas que entendemos desde Spa, de onde tiramos vantagem.”