Hulkenberg acha que os carros de F1 devem ser mais difíceis de pilotar

O piloto da Renault, Nico Hulkenberg, acredita que o carro de Fórmula 1 deve ser mais difícil de pilotar e mais leve, com os planos dos ajustes do regulamento de 2021 sendo discutidos com afinco.

A Liberty Media (proprietários da F1) e a FIA introduziram algumas pequenas alterações nos regulamentos para esta nova temporada, projetadas para tentar tornar as ultrapassagens mais fáceis e constantes.

O piloto mais experiente do grid, Kimi Raikkonen, de 39 anos, deu sua opinião.

“Podemos pilotar um pouco mais perto do que no ano passado”, disse Raikkonen à Auto Motor und Sport. “Mas ainda é difícil passar.”

No entanto, Hulkenberg acredita que com o peso que os carros de F1 têm, e como eles são fáceis de pilotar, será difícil mudar muito o desempenho do carro no momento.

“Os carros agora são muito fáceis de pilotar”, afirmou o piloto da Renault. “Você dificilmente comete erros, e não pode fazer a diferença com coragem ou habilidade, porque todo mundo já é perfeito”.

“Onde você pode fazer a diferença se as distâncias de frenagem são tão curtas? Como você pode acelerar em uma curva melhor, se todos puderem entrar em ação tão rapidamente?”

“Além disso, os carros são tão preguiçosos quanto tanques ao mudar de direção. Nós carregamos muito peso”, concluiu Hulkenberg.

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX DE SANYA | Melhores Momentos | FÓRMULA E 2018/19 – 6ª etapa

 

Fórmula 1 anuncia o Brasil como uma das sedes do “F1 Festival” em 2019

 

Confira o GRID COMPLETO da temporada 2019 da COPA TRUCK:

 

F1 2019 | Ferrari apresenta SF90 vermelha e preta fosco:

 

F1 2019 | MCLAREN apresenta o MCL34:

 

F1 2019 | Red Bull apresenta RB15 ‘roxo, preto e vermelho’:

 

F1 2019 | Mercedes apresenta nova pintura para o W10:

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: