GP do Brasil: Para Vettel, Ferrari ainda tem chances de levar o Mundial de Construtores

A briga pelo mundial de construtores ainda está em aberto, é o que pensa o piloto da Ferrari Sebastian Vettel. Atrás 55 pontos da Mercedes na temporada 2018, a Ferrari não conquista o titulo entre as equipes desde 2008, e restando duas etapas para o fim do campeonato a tarefa é bastante difícil.

Mas Vettel diz que “ainda é possível” recuperar-se nas duas corridas finais – este final de semana no Brasil e daqui 15 dias em Abu Dhabi – e que a Ferrari precisa resgatar o desempenho do início do ano.

“Ainda temos duas corridas pela frente, temos que tentar superar a Mercedes o máximo que pudermos”, começou Sebastian. “É difícil prever, pois precisamos colocar o carro de volta ao lugar onde nos sentíamos confortáveis, pois perdemos algo nas últimas etapas, fizemos alguma alteração não proposital que nos tirou do lugar onde estávamos, então agora cabe a nós recuperarmos a posição e garantir que permaneceremos bem. Mas definitivamente ainda é possível – veremos. Desistir não é uma opção!”

Falando sobre o Grande Prêmio do Brasil, que acontece este domingo (11 de novembro) em Interlagos, o piloto alemão falou da imprevisibilidade que é a corrida no Brasil, mas está confiante em um desempenho melhor comparado às últimas corridas.

“É difícil prever como será a corrida aqui, pois sempre acontece algo mágico aqui em Interlagos. Eu espero ficar em algum lugar na frente, mas não sei exatamente onde. Está claro que podemos fazer melhor do que fizemos nas últimas etapas, mas não sei”, concluiu o piloto alemão.

 

Colaborou: Victor D. Berto

A F1Mania traz todas as informações do GP do Brasil ‘in loco’, com uma cobertura especial direto do autódromo de Interlagos.

 

Veja alguns vídeos do nosso Canal no Youtube. Confira:

 

 

Responda nossa enquete: Quem vai vencer o Grande Prêmio do Brasil de 2018?


 

Veja mais sobre a Fórmula 1 2018
Classificação Mundial de Pilotos e Construtores 2018
Calendário Temporada 2018 da Fórmula 1