GP da Austrália: Bottas passa Hamilton na largada e conquista vitória dominante em Melbourne

Valtteri Bottas venceu de forma dominante a primeira etapa da temporada 2019 da Fórmula 1. O finlandês largou em segundo e ultrapassou o pole position Lewis Hamilton na primeira curva do Circuito do Albert Park, recebendo a quadriculada mais de 20 segundos à frente de seu companheiro de equipe Hamilton, com a Mercedes garantindo a dobradinha.

Bottas ainda garantiu o ponto extra, introduzido na temporada de 2019, fazendo a volta mais rápida da corrida em 1:25.580s nos estágios finais.

Max Verstappen, da Red Bull, perseguiu Hamilton no fim da corrida, depois de ultrapassar Sebastian Vettel na volta 31. No entanto ele não conseguiu ultrapassar o pentacampeão mundial, e completou o pódio na terceira posição.

A Ferrari não demonstrou o bom ritmo da pré-temporada em Barcelona, terminando na P4 e P5 com Vettel e Charles Leclerc, respectivamente.

Bottas ficou mais tempo na pista que Hamilton, depois que a Mercedes se viu obrigado a chamar o britânico para defender-se da estratégia de Vettel, que fez sua parada na volta 15 optando por um conjunto de médios.

Vettel sofreu com a falta de ritmo até o final da corrida, e viu seu companheiro de equipe, Leclerc, tirar uma diferença de 13 segundos, apesar de não conseguir a ultrapassagem depois de uma tentativa frustrada na Curva 1.

A estreia de Daniel Ricciardo na Renault foi desastrosa. Depois de ter sua dupla eliminado no Q2 para o GP da Austrália, o “dono da casa” perdeu sua asa dianteira logo na largada. O australiano foi empurrado para a grama e danificou consideravelmente sua R.S.19. Ricciardo voltou aos boxes e reparou o carro, mas abandonou na volta 31.

O primeiro abandono do ano veio com Carlos Sainz e a McLaren, quando seu MCL34 pegou fogo ainda na volta 11. Romain Grosjean também abandonou a corrida com a suspeita de uma roda solta – depois do desastre do GP da Austrália de 2018, onde a Haas não apertou as rodas de seus dois pilotos e perdeu valiosos pontos na disputa dos construtores.

Apesar da repetição desastrosa do erro, o dia não foi tão ruim para a equipe norte-americana com Kevin Magnussen terminando na sexta posição.

Nico Hulkenberg somou alguns bons pontos para a Renault na P7, à frente de Kimi Raikkonen (Alfa Romeo). Lance Stroll (Racing Point) e Daniil Kvyat (Toro Rosso) completaram a zona de pontuação.

A temporada 2019 da Fórmula 1 retorna no dia 31 de março com o Grande Prêmio do Bahrein.

 

Resultado Final – GP da Austrália:

1) # 77 Valtteri Bottas (Mercedes)
2) # 44 Lewis Hamilton (Mercedes)
3) # 33 Max Verstappen (Red Bull/Honda)
4) # 5 Sebastian Vettel (Ferrari)
5) # 16 Charles Leclerc (Ferrari)
6) # 20 Kevin Magnussen (Haas/Ferrari)
7) # 27 Nico Hülkenberg (Renault)
8) # 7 Kimi Räikkönen (Alfa Romeo/Ferrari)
9) # 18 Lance Stroll (Racing Point/Mercedes)
10) # 26 Daniil Kvyat (Toro Rosso/Honda)
11) # 10 Pierre Gasly (Red Bull/Honda)
12) # 4 Lando Norris (McLaren/Renault)
13) # 11 Sergio Pérez (Racing Point/Mercedes)
14) # 23 Alexander Albon (Toro Rosso/Honda)
15) # 99 A.Giovinazzi (Alfa Romeo/Ferrari)
16) # 63 George Russell (Williams/Mercedes)
17) # 88 Robert Kubica (Williams/Mercedes)
18) # 8 Romain Grosjean (Haas/Ferrari)
19) # 3 Daniel Ricciardo (Renault)
20) # 55 Carlos Sainz (McLaren/Renault)

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX DE HONG KONG | Melhores Momentos | FÓRMULA E 2018/19 – 5ª etapa

 

F1 2019 | Ferrari apresenta SF90 vermelha e preta fosco:

 

F1 2019 | MCLAREN apresenta o MCL34:

 

F1 2019 | Red Bull apresenta RB15 ‘roxo, preto e vermelho’:

 

F1 2019 | Mercedes apresenta nova pintura para o W10:

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: