Force India desiste do nome “Force One” para próxima temporada da F1

Os chefes da Force India desistiram do plano de trocar o nome da equipe para ‘Force One’ em 2018.

Anteriormente, a equipe com base em Silverstone disse que queria retirar a palavra ‘India’ de seu nome para atrair um perfil mais internacional.

Mas a denominação ‘Force One’ foi descartada, aparentemente pelo titular dos direitos comerciais da Fórmula 1, Liberty Media.

“O novo nome deve parecer com o atual e não pode ser Force One”, o chefe esportivo Otmar Szafnauer falou ao francês ‘Auto Hebdo’.

“Os chefes da Fórmula 1 acham que pode ser facilmente encurtado para F1”, acrescentou.

Além disso, a Force India parece ter problemas maiores do que o próprio nome, já que o proprietário Vijay Mallya esteve nesta semana em um tribunal do Reino Unido, uma vez que foi estabelecida uma data para sua audiência de extradição em dezembro.

Mas o ex bilionário indiano, no entanto, disse ao ‘Gulf News’ que o plano da Force India é, uma vez mais, terminar em um quarto lugar no campeonato no próximo ano.

“Não podemos competir com os enormes orçamentos das equipes de fábrica”, disse ele, “mas aproveitamos o que temos”.

“Manter o quarto lugar será um desafio, mas temos estabilidade em todas as áreas da equipe técnica e uma linha de pilotos muito forte, então estamos preparados para isso”, acrescentou Mallya.