Ericsson admite que precisa melhorar nos treinos de classificação

Marcus Ericsson diz que há espaço para melhorar quando se trata de seus esforços nos treinos classificatórios, admitindo que está faltando confiança no carro. Nas 12 primeiras sessões de classificação da temporada, ele foi superado por seu companheiro de equipe, Charles Leclerc, nove vezes.

Leclerc também acumulou mais pontos do que Ericsson, marcando 13 pontos em comparação com os cinco do sueco. Mas Ericsson está feliz com suas performances nos dias de corrida, afirmando que ele só precisa melhorar seus resultados no sábado.

“Acho que minhas performances de corrida neste ano foram muito fortes”, disse ele. “Aos domingos, tem sido muito bom. É claro que houve alguns erros, como em Silverstone, mas em geral aos domingos eu tenho sido muito bom. Mas, como eu disse antes, aos sábados eu tenho espaço para melhorar”.

“Sim, eu acho que é sobre a confiança com o carro e como você sente o carro. Por alguma razão, em uma volta única, eu estou lutando com esse sentimento no carro. Estou super confiante com o carro estando cheio de combustível, disputas de corrida e preservando os pneus, e todas essas coisas”.

“Estou realmente confiante e sinto que esse é um dos meus pontos fortes. Mas por algum motivo, em uma volta, estou apenas lutando para encontrar o ponto ideal com o carro que temos no momento”.

“É um pouco estranho porque nos últimos anos eu senti que melhorei bastante, e comparado a Pascal Wehrlein e Felipe Nasr eu fui tão bom ou melhor na qualificação que os dois, que são dois pilotos muito bons, então eu realmente não sei porque eu tenho lutado muito este ano. Charles é um dos melhores contra quem eu já disputei com certeza, mas Pascal e Felipe também são pilotos muito bons. ”

Ericsson acrescentou que há muito que ele pode aprender com um companheiro de equipe novato que tem um estilo de pilotagem muito diferente: “Charles está conseguindo realmente encontrar o limite na qualificação de uma maneira boa e estou tentando sentir isso também. Mas eu não estou apenas olhando e tentando fazer o mesmo que Charles com o set-up e outras coisas, já que acho que temos uma maneira diferente de pilotar”.

“Precisamos de algumas coisas diferentes do carro, para tentar focar mais no meu lado da garagem e focar em tentar montar o carro mais para o meu gosto. Esse foi o caso recentemente, e tem ajudado a ir na direção certa ”, concluiu ele.