Em Singapura, Hamilton faz corrida impecável, vence e abre 40 pontos no mundial de F1

Lewis Hamilton, piloto da Mercedes, venceu o Grande Prêmio de Singapura de F1 em uma corrida impecável nas 61 voltas ao redor do belíssimo circuito da Marina Bay Street. Hamilton ampliou sua liderança no mundial para 40 pontos, já que Sebastian Vettel foi apenas o terceiro colocado, superado por Max Verstappen da Red Bull.

Vettel ultrapassou Vertappen na primeira volta da corrida para assumir a segunda posição, passando o holandês na Curva 7. Vettel permaneceu à frente até a fase de pitstops da corrida, mas Verstappen assumiu a P2 depois de fazer sua parada.

O alemão da Ferrari foi para os boxes na volta 14 para trocar seus pneus hipermacios. Os pilotos que começaram com o composto rosa conseguiram estender seu tempo por algumas voltas devido a um Safety Car, que veio depois da batida entre os companheiros de Force India Sergio Perez e Esteban Ocon.

Hamilton respondeu na próxima volta e também parou para realizar seu único pitstop da corrida. Enquanto o britânico colocou os pneus macios em seu carro, Vettel optou pelos ultramacios em sua Ferrari.

No entanto, Vettel não conseguiu imprimir ritmo suficiente para ficar à frente de Verstappe, que ganhou tempo enquanto corrida livre pela pista. O piloto da Red Bull parou três voltas depois de Vettel e voltou à pista lado a lado com o tetracampeão mundial antes de manter-se na dianteira.

Valtteri Bottas esteve envolvido em uma briga tensa com seu compatriota Kimi Raikkonen no final do Grande Prêmio, mas conseguiu segurar o piloto da Ferrari para terminar na quarta posição, enquanto Daniel Ricciardo ficou atrás da dupla, em sexto lugar.

A McLaren terminou como a melhor do pelotão intermediário com Fernando Alonso, apesar de ficar fora do Q3 durante a qualificação do sábado. O espanhol cruzou a linha na P7 e foi o último piloto a terminar na volta do líder.

A Renault aumentou sua vantagem para a Haas na luta pela quarta posição do mundial de construtores, com Carlos Sainz e Nico Hulkenberg cheganda em oitavo e décimo lugar, respectivamente. Entra a dupla da Renault ficou Charles Leclerc, com seu primeiro resultado dentro do top 10 desde o Grande Prêmio da Áustria.

A F1 volta com ª etapa do mundial em Sochi no dia 30 de setembro, com o Grande Prêmio da Rússia. Os treinos livres começam na sexta-feira (21 de setembro), com a F1Mania tradicionalmente AO VIVO e em TEMPO REAL com todas as atividades da Fórmula 1 2018.

 

Grande Prêmio de Singapura de F1 – Resultado final:

1) Lewis Hamilton (Mercedes)
2) Max Verstappen (Red Bull/TAG Heuer)
3) Sebastian Vettel (Ferrari)
4) Valtteri Bottas (Mercedes)
5) Kimi Räikkönen (Ferrari)
6) Daniel Ricciardo (Red Bull/TAG Heuer)
7) Fernando Alonso (McLaren/Renault)
8) Carlos Sainz (Renault)
9) Charles Leclerc (Sauber/Ferrari)
10) Nico Hülkenberg (Renault)
11) Marcus Ericsson (Sauber/Ferrari)
12) S.Vandoorne (McLaren/Renault)
13) Pierre Gasly (Toro Rosso/Honda)
14) Lance Stroll (Williams/Mercedes)
15) Romain Grosjean (Haas/Ferrari)
16) Sergio Pérez (Force India/Mercedes)
17) Brendon Hartley (Toro Rosso/Honda)
18) Kevin Magnussen (Haas/Ferrari)
19) Sergey Sirotkin (Williams/Mercedes)
20) Esteban Ocon (Force India/Mercedes)