Daniil Kvyat acredita ter um bom carro e boa posição de largada para o GP da China

O piloto da Toro Rosso, Daniil Kvyat, insistiu que sua equipe tem um “carro forte” para a corrida de domingo e uma boa posição de largada depois da classificação na China.

Kvyat esteve muito próximo de alcançar o Q3, mas perdeu por apenas dois décimos de segundo, e descreveu isto como uma “pena” por perder por uma margem tão pequena.

Alexander Albon não disputou a sessão classificatório, depois de um forte acidente no TL3 – fazendo com que a Toro Rosso tivesse que substituir seu chassi, com a FIA confirmando que o tailandês largará do pit-lane para a corrida de amanhã.

“Foi uma classificação apertada como sempre, uma diferença muito pequena separando vários carros, então um décimo de segundo pode significar uma ou duas posições no grid”, explicou Kvyat. “Eu acho que fiz o melhor que podia hoje e o carro pareceu bom, mas ainda temos algum espaço para melhorar, apesar de, no geral, ter sido uma sessão muito forte. Eu acho que foi a melhor do ano até agora”.

“O Q3 estava a dois décimos de segundo, então é uma pena perde-lo por uma margem tão pequena. Baseado no segundo treino livre, temos um carro forte para a corrida e uma boa posição de largada, então tentaremos fazer o nosso melhor para terminar dentro do top 10”.

 

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – Chegou o GP 1000 da Fórmula 1:

 

Vettel bate repetidas vezes no simulador em Xangai:

 

ePRIX DE SANYA | Melhores Momentos | FÓRMULA E 2018/19 – 6ª etapa

 

‘GAME OF ROMES’ – Fórmula E lança vídeo baseado na série de sucesso GAME OF THRONES

 

Fórmula 1 anuncia o Brasil como uma das sedes do “F1 Festival” em 2019

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: