Daniel Ricciardo explica um dos motivos que o levou a sair da Red Bull

Daniel Ricciardo revelou que uma das principais razões pelas quais ele deixou a Red Bull foi devido ao fato de que seu engenheiro de corrida, Simon Rennie, também estava deixando a equipe. O piloto australiano disse que este foi o fator decisivo que o levou a decidir pela saída da equipe austríaca.

“Havia muitas razões, mas que Simon iria embora, mesmo se eu ficasse com a Red Bull, desempenhou um grande papel”, explicou Ricciardo ao ‘Autosport’. “Se ele tivesse ficado, poderia ter sido diferente.

“Não tenho certeza se ele foi o fator decisivo, houve, claro, algumas outras coisas. Como as preocupações com a Honda e assim por diante, mas isso foi, no entanto, um fator importante na minha decisão”.

Ricciardo mudou para a Renault em 2019 e conquistou 22 pontos, dos 39 da equipe nesta temporada, cinco a mais que seu atual companheiro de equipe Nico Hulkenberg.

 

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – O que um piloto de Fórmula E faz durante as férias?

 

PORSCHE CUP BRASIL | ETAPA ESTORIL 2019 | MELHORES MOMENTOS:

 

Assista ao forte acidente de Dennis Dirani na etapa da Porsche Cup em Estoril:

 

Fórmula E: Como pilotos e equipes se comunicam:

 

Eurofarma terá quatro carros e Di Grassi na Corrida do Milhão da Stock Car:

 

GP DO BRASIL 2020 será realizado no RIO DE JANEIRO, diz JAIR BOLSONARO:

 

Vídeo mostra o traçado do novo AUTÓDROMO de DEODORO no RIO DE JANEIRO

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: