Sem pódios desde 2018, Ricciardo sente falta do ‘shoey’: “Representa o sucesso”

Daniel Ricciardo realmente sente falta de sua celebração tradicional, o shoey, que realizava quando alcançava os pódios na Fórmula 1. O piloto australiano não esteve no pódio em sua temporada de estreia com a Renault em 2019, terminando o ano na nona posição entre os pilotos com 54 pontos somados nas 21 corridas do calendário.

Durante seu tempo na Red Bull, Ricciardo comemorava uma vitória ou um pódio realizando um “shoey”, enchendo suas sapatilhas usadas durante a corrida com champanhe antes de beber.

A celebração tornou-se uma marca registrada do australiano, que já venceu sete grandes prêmios em 171 corridas disputadas na Fórmula 1, fazendo sua estreia como titular do grid no GP da Grã-Bretanha de 2011 com o Hispania HRT F111.

Mas desde que se mudou para a Renault no ano passado, Ricciardo não subiu mais ao pódio, com sua última presença sendo a vitória no Grande Prêmio de Mônaco de 2018.

A Renault não teve o desempenho esperado no ano passado e recuou na classificação de construtores depois de terminar na quinta posição, com a McLaren ultrapassando a rival em comparação com o ano anterior. Apesar disso, Ricciardo ainda acredita no sucesso da equipe e acredita que as coisas vão melhorar.

“Sucesso é poder fazer um ‘shoey’ cheio de champanhe”, disse Ricciardo. “Para mim isso representa o sucesso. Eu sinto falta disso. Quando eu fazia isso, eu pensava ‘isso é horrível, o que estou fazendo’?

“Mas eu realmente sinto falta, é uma relação de amor e ódio com minhas sapatilhas. Isso certamente tornaria as coisas boas. Minhas primeiras impressões no carro foram boas.

“Acho que vamos melhorar, mas (a questão) é o quanto melhor. É o que temos de provar para nós mesmos nas primeiras corridas.”

Ricciardo não tem grandes expectativas com os resultados da temporada de 2020, mas admite que existem “bons sinais” da fabricante francesa.

“Não é uma questão sobre nossa posição (na classificação)”, disse Ricciardo quando perguntado sobre as metas para 2020.

“Obviamente, eu adoraria subir no pódio e terminar o melhor possível.

“Mas não há algo como ‘Se eu não estiver entre os cinco primeiros, vou sair daqui’. Não é nada disso. Você verá coisas (melhores) na equipe, moral e espírito.”
 

Quer assistir ao vivo às corridas da Indy e Superbike? Acesse http://f1mania.vc/4K e experimente a DAZN grátis por 1 mês!

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/LMW528mNaVRACHYwjkSi05

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/f1mania?sub_confirmation=1

 

Está no ar o Episódio #3 do Podcast F1Mania Mundo Afora – Igor Fraga é o campeão da Toyota Racing Series. A análise é dos jornalistas especializados em esporte a motor Alexander Grünwald, Felipe Giacomelli e Leonardo Marson. Ouça:

Ouça no Spotify – https://f1mania.vc/auV
Ouça no Google Play Music – https://f1mania.vc/auU
Ouça no Deezer – https://f1mania.vc/auX
Ouça no iTunes – https://podcasts.apple.com/us/podcast/f1mania-podcast/id1496336264

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube. Mercedes faz shakedown do W11:

 

AlphaTauri apresenta o AT01:

 

McLaren revela o MCL35 para a temporada 2020 da F1:

 

Red Bull mostra primeiras imagens do RB16 na pista:

 

Ferrari apresenta o SF1000 para a F1 2020:

 

ePRIX DA CIDADE DO MÉXICO 2020 | MELHORES MOMENTOS:

 

F1Mania visita homenagens a Ayrton Senna em Ímola:

 

Fórmula 1 faz tributo à Ayrton Senna no Parque do Ibirapuera:

 

Pilotamos Lamborghini, McLaren e Mercedes em Las Vegas: