Rio de Janeiro aprova R$ 302 milhões em incentivos fiscais, enquanto Doria quer o GP de São Paulo

Estado do Rio de Janeiro aprova R$302 milhões em incentivos fiscais para levar o GP do Brasil

A Secretaria de Esportes do Rio de Janeiro aprovou um projeto de incentivos fiscais na ordem dos R$ 302 milhões para que a cidade receba duas etapas da Fórmula 1, em 2021 e 2022. As informações são do site ‘UOL’.

A quantia excede o teto de renúncia fiscal da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, estimada em R$ 138 milhões, e por isso será dividida em duas etapas. A proposta feita pela Rio Motorsport, que comanda as negociações do Rio com a Fórmula 1, foi de U$ 35 milhões por corrida, aproximadamente R$ 147 milhões*, ainda segundo a reportagem do ‘UOL’.

Outra medida para trazer de volta a Fórmula 1 para a cidade foi a aprovação do projeto “Fórmula 1 Rio de Janeiro 2020-2030”, feita em unanimidade durante sessão extraordinária na última semana.

Durante o Grande Prêmio do Brasil, realizado no dia 17 de novembro, o governador do Estado de São Paulo, João Doria, disse que espera pela renovação do contrato de Interlagos junto a Liberty Media até 2030, com o evento passando a se chamar Grande Prêmio de São Paulo a partir de 2021, abrindo uma possível, mas remota, oportunidade para um “GP do Brasil” ser realizado no Rio de Janeiro, com duas corridas acontecendo no Brasil

“Se concluirmos (o novo acordo) positivamente, o Grande Prêmio passará a se chamar Grande Prêmio de São Paulo de F1 a partir 2021”, disse Doria durante uma coletiva de imprensa.

“Como nós aqui em São Paulo aceleramos a nossa ideia é, se pudermos – nos contatos e reuniões com Chase (Carey) agora em dezembro – fechar, fecharemos. São Paulo já tem uma proposta pronta e boa para ser aceita pela Liberty e ser anunciada antes de agosto, talvez ainda no final deste ano se possível”, concluiu.

Também presente na coletiva, Chase Carey, um dos chefões da F1, disse que “não há pressa para a renovação do contrato e que o foco está em 2021”, além disso o prazo final seria “agosto de 2020”, segundo Carey.

Atualização

Em contato com a F1Mania, a assessoria de imprensa da Rio Motorsport esclareceu que a quantia não excederá o teto de renúncia fiscal da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, conforme citado no texto. O valor será captado em quatro etapas, começando com o ano de 2019. Em 2022, o Estado do Rio de Janeiro voltará a ter seu teto na cada dos R$ 300 milhões.

 

STOCK CAR 2019 | GOIANIA – 11ª etapa | MELHORES MOMENTOS (Corrida 1):

 

STOCK CAR 2019 | GOIANIA – 11ª etapa | MELHORES MOMENTOS (Corrida 2):
Quer assistir ao vivo às corridas da Indy, Fórmula 2, Fórmula 3 e Superbike? Acesse http://f1mania.vc/4K e experimente a DAZN grátis por 1 mês!

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/F7Z3AHfKGDq1w4mHpHv63M

 

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/f1mania?sub_confirmation=1

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – Fórmula 1 faz tributo à Ayrton Senna no Parque do Ibirapuera:

 

FÓRMULA E | EL-DIRIYAH – CORRIDA 2 | MELHORES MOMENTOS:

 

FÓRMULA E | EL-DIRIYAH – CORRIDA 1 | MELHORES MOMENTOS:

 

Visitamos o DAYTONA INTERNATIONAL SPEEDWAY | FÉRIAS F1MANIA: