Reestruturação administrativa garante o futuro da Renault na F1 - F1 - F1Mania

Reestruturação administrativa garante o futuro da Renault na F1

O futuro da Renault na Fórmula 1 parece muito mais seguro do que antes, de acordo com o diretor da equipe, Cyril Abiteboul, depois que a estrutura de gerenciamento do fabricante francês foi definida.

Após a prisão do ex-CEO Carlos Ghosn no ano passado, ocorreram grandes revisões na operação, durante o que só poderia ser descrito como um período de turbulência para o fabricante francês.

O programa F1 da Renault foi questionado pelo CEO interino, Clotilde Delbos no final de outubro, depois de anunciar que uma revisão de todas as atividades da empresa aconteceria para traçar um caminho claro para o futuro.

Mas com a chegada do novo CEO Luca De Meo no final do ano, Abiteboul está convencido de que o futuro da equipe de F1 está seguro, apesar do fabricante francês confirmar medidas de corte de custos após a primeira perda em toda a empresa em uma década.

Falando ao Motorsport.com no início da semana, Abiteboul disse: “Acho que o principal desenvolvimento é o fato de termos finalmente uma confirmação da nova estrutura de governança”.

“Tem sido uma série de evoluções, como na F1. Mas agora em Luca De Meo, temos um CEO claro. Ele não entrará antes de julho, mas pelo menos temos uma data e um nome.”

Abiteboul admite que executar o programa de F1 não é barato, mas acredita que as mudanças em 2021, juntamente com o conhecimento do CEO interino, Delbos sobre os benefícios de participar da competição de elite do automobilismo, significa que a Renault estará na F1 nos próximos anos.

“Olhar para a F1 do ponto de vista financeiro é um custo, mas também é um ativo. E é um investimento”.

“Está apontando na direção certa. Exposição do público ou participação de mercado. Mas também custa, com um fundo de prêmios que será melhor, um limite de orçamento que será melhor, e regulamentos de motores que permanecerão estáveis”.

O diretor não executivo da Renault, Alain Prost vê sinais mais positivos sobre a participação do fabricante na F1, apesar de ter suas dúvidas no ano passado após as questões fora das pistas.

“É sempre uma preocupação, com certeza”, disse o quatro vezes campeão mundial ao Motorsport.com. “Especialmente sendo um grande construtor, e também não podemos esconder todos os problemas com o presidente que saiu, e a organização mudou completamente”.

“Temos reuniões diferentes agendadas agora, temos um novo presidente da Renault em julho, e como realmente temos muitas pessoas novas, elas estão muito preocupadas de um lado e motivadas do outro lado pela F1”, acrescentou.

 

Quer assistir ao vivo às corridas da Indy e Superbike? Acesse http://f1mania.vc/4K e experimente a DAZN grátis por 1 mês!

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/F9GwK1YT4yACqHsym6pqu8

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/f1mania?sub_confirmation=1

 

Está no ar o Episódio #2 do Podcast F1Mania Mundo Afora – Brasileiros rumo à F1 e novidades na Indy. A análise é dos jornalistas especializados em esporte a motor Alexander Grünwald, Felipe Giacomelli e Leonardo Marson. Ouça:

Ouça no Spotify – https://f1mania.vc/auV
Ouça no Google Play Music – https://f1mania.vc/auU
Ouça no Deezer – https://f1mania.vc/auX
Ouça no iTunes – https://podcasts.apple.com/us/podcast/f1mania-podcast/id1496336264

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube. Mercedes faz shakedown do W11:

 

AlphaTauri apresenta o AT01:

 

McLaren revela o MCL35 para a temporada 2020 da F1:

 

Red Bull mostra primeiras imagens do RB16 na pista:

 

Ferrari apresenta o SF1000 para a F1 2020:

 

ePRIX DA CIDADE DO MÉXICO 2020 | MELHORES MOMENTOS:

 

F1Mania visita homenagens a Ayrton Senna em Ímola:

 

Fórmula 1 faz tributo à Ayrton Senna no Parque do Ibirapuera:

 

Pilotamos Lamborghini, McLaren e Mercedes em Las Vegas: