Perez considera que Racing Point tinha capacidade de pontuar em Silverstone

Sergio Perez acredita que a Racing Point era capaz de marcar pontos no Grande Prêmio da Inglaterra, mas acabou sofrendo durante todo o final de semana e saiu sem pontos.

Na frente da multidão em Silverstone, Sergio Perez e Lance Stroll tiveram uma má qualificação, começando em P15 e P18, respectivamente. A corrida não ofereceu muito melhor sorte para eles, com Perez terminando em último dos pilotos que completaram a prova, e Stroll terminou em 13º. Isso significa que eles ficaram sem pontos novamente, e agora não pontuam desde o Grande Prêmio do Canadá.

Perez está convencido de que havia potencial para a equipe se posicionar bem em Northamptonshire.

“Tivemos muita falta de sorte”, disse Pérez, citado pela The Chequered Flag.

“O primeiro etágio foi muito forte, eu estava administrando minha corrida, cuidando dos pneus e estávamos no caminho certo para marcar alguns pontos”.

“Então, o safety car entrou, logo após eu ter feito minha parada, e foi isso que arruinou minha corrida”.

“Durante o período do Safety Car, eu também tive um problema com o volante, o que afetou o equilíbrio do freio e fez com que fosse muito para frente”.

“Eu não posso acreditar na sorte que tivemos. É muito decepcionante, porque merecemos um grande resultado em nossa corrida em casa, e tivemos a velocidade no carro para marcar pontos”, concluiu.

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/IHEmXnwxu3JDk3pmRviZ7r

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX de NOVA YORK corrida 2 | Melhores momentos | Fórmula E 2018/19 – 13ª etapa:

 

ePRIX de NOVA YORK corrida 1 | Melhores momentos | Fórmula E 2018/19 – 12ª etapa:

 

LUCAS DI GRASSI comenta 3º lugar na temporada 2018/19 da FÓRMULA E:

 

GP DO BRASIL 2020 será realizado no RIO DE JANEIRO, diz JAIR BOLSONARO:

 

Vídeo mostra o traçado do novo AUTÓDROMO de DEODORO no RIO DE JANEIRO

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: