McLaren nunca pensou em usar seu próprio motor, diz Andreas Seidl

O chefe da McLaren, Andreas Seidl, disse que a equipe de Woking “nunca considerou” usar seu próprio motor, em meio a um novo acordo com a Mercedes.

Depois de 2020, a equipe britânica começará a usar a unidade de potência da Mercedes novamente, em sua tentativa de alcançar os níveis do final dos anos 90, e agora o chefe da equipe, Seidl, negou boatos de que a McLaren considerava construir seu próprio motor.

“Isso nunca foi considerado seriamente”, disse Seidl à SpeedWeek. “Você precisaria investir muito dinheiro. Além disso, também precisaria de muito tempo para acompanhar o que os fabricantes atuais já aprenderam”.

“Por esses dois motivos, nunca foi um tópico para nós”.

O ex-piloto Mika Hakkinen, que foi Bi-Campeão Mundial na F1 na época da McLaren-Mercedes em 1998 e 1999, é fã da parceria que se reúne mais uma vez: “É uma parceria que funcionou muito bem no passado, e Andreas Seidl identificou isso como sendo um elemento-chave na estratégia da McLaren para se tornar vencedora novamente “, disse Hakkinen em sua coluna da Unibet.

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/KUVbJ5O2AJpLLNcrZygtzy

 

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/f1mania?sub_confirmation=1

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – EXTREME E revela área da Amazônia, no Brasil, onde acontecerá etapa da categoria:

 

AUDI apresenta o E-TRON FE06 para a temporada 2019/20 da FÓRMULA E:

 

O que um piloto de Fórmula E faz durante as férias?

 

PORSCHE CUP BRASIL | ETAPA ESTORIL 2019 | MELHORES MOMENTOS:

 

Fórmula E: Como pilotos e equipes se comunicam:

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: