GP da Bélgica: Charles Leclerc conquista sua primeira vitória na Fórmula 1

Charles Leclerc conquistou sua primeira vitória na Fórmula 1, recebendo a bandeira quadriculada à frente de Lewis Hamilton no Grande Prêmio da Bélgica.

Apesar de dominar todo o final de semana, incluindo a dobradinha no grid de largada, Sebastian Vettel não terminou no pódio. Vettel parou primeiro nos boxes, seguindo um blefe da Mercedes, e não tinha ritmo suficiente após o pit-stop de Leclerc – com a equipe instruindo o alemão a dar passagem.

Valtteri Bottas completou o pódio para a Mercedes na terceira posição, seguido por Vettel.

Max Verstappen não completou a corrida depois de fazer contato com Kimi Raikkonen após a largada, danificando sua suspensão na Curva 1. Ao passar pela Eua Rouge, sua RB15 não fez a curva e foi direto para as proteções.

O ‘safety car’ foi chamado para que os fiscais retirassem o carro de Verstappen, enquanto Carlos Sainz também tinha problemas com sua McLaren, abandonando a corrida.

Alexander Albon foi o quinto em sua estreia na Red Bull, ultrapassando Sergio Perez na última volta. No entanto, ambos foram beneficiados pela posição de Lando Norris, que ocupou praticamente toda a corrida na quinta posição, mas parou na última volta com um problema no motor.

Antonio Giovinazzi fazia uma boa corrida nos pontos antes de bater nas proteções da Pouhon na última volta, trazendo bandeira amarela no segundo setor.

Nesse momento, Hamilton aproximava-se rapidamente de Leclerc, diminuindo a diferença para menos de um segundo, mas não foi o suficiente para conseguir atacar.

Perez recebeu a bandeira quadriculada na sexta posição à frente de Daniil Kvyat e Nico Hulkenberg, que marcaram seus primeiros pontos desde o Grande Prêmio da Alemanha em julho.

Em seu retorno à Toro Rosso, Pierre Gasly garantiu dois pontos para a equipe júnior da Red Bull, enquanto Lance Stroll foi promovido para P10 com o abandono de Norris.

Daniel Ricciardo fazia uma corrida regular nos pontos, apesar de ter sido atingido na primeira volta. No entanto, seu ritmo diminuiu no final e ele caiu para 14º, atrás da dupla da Haas de Romain Grosjean e Kevin Magnussen.

 

Confira o resultado final do Grande Prêmio da Bélgica de F-1:

1) Charles Leclerc (Ferrari)
2) Lewis Hamilton (Mercedes)
3) Valtteri Bottas (Mercedes)
4) Sebastian Vettel (Ferrari)
5) Alexander Albon (Red Bull/Honda)
6) Sergio Pérez (Racing Point/Mercedes)
7) Daniil Kvyat (Toro Rosso/Honda)
8) Nico Hülkenberg (Renault)
9) Pierre Gasly (Toro Rosso/Honda)
10) Lance Stroll (Racing Point/Mercedes)
11) Lando Norris (McLaren/Renault)
12) Kevin Magnussen (Haas/Ferrari)
13) Romain Grosjean (Haas/Ferrari)
14) Daniel Ricciardo (Renault)
15) George Russell (Williams/Mercedes)
16) Kimi Räikkönen (Alfa Romeo/Ferrari)
17) Robert Kubica (Williams/Mercedes)
18) A.Giovinazzi (Alfa Romeo/Ferrari)
19) Carlos Sainz Jr. (McLaren/Renault)
20) Max Verstappen (Red Bull/Honda)

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/IHEmXnwxu3JDk3pmRviZ7r

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – O que um piloto de Fórmula E faz durante as férias?

 

PORSCHE CUP BRASIL | ETAPA ESTORIL 2019 | MELHORES MOMENTOS:

 

Fórmula E: Como pilotos e equipes se comunicam:

 

Eurofarma terá quatro carros e Di Grassi na Corrida do Milhão da Stock Car:

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: