Diretor de engenharia da McLaren, Pat Fry deixa a equipe

De acordo com a RaceFans, o diretor de engenharia da McLaren, Pat Fry, deve deixar a equipe de Fórmula 1. Fry, anteriormente um funcionário de longo prazo na McLaren, retornou em setembro de 2018 para substituir Matt Morris.

A razão exata para a sua saída é atualmente desconhecida. Indo para sua corrida em casa em duas semanas, a equipe de Woking não anunciou oficialmente, mas também não negou.

Sua saída não é uma surpresa. Esperava-se que seu mandato na equipe fosse curto, pois ele foi contratado temporariamente, na expectativa da chegada do diretor técnico James Key.

Fry, que também trabalhou para a Benetton, Ferrari e Manor, não pode trabalhar para outro time por pelo menos seis meses. Isso é para que seu conhecimento do atual carro da McLaren não possa ser passado para seus rivais.

Uma mudança para a Renault ou a Williams seria possível, a última equipe se despediu oficialmente do diretor técnico Paddy Lowe.

O técnico de 55 anos desempenhou um papel fundamental no projeto do chassi da McLaren para esta temporada. A equipe está passando por sua melhor fase há muitos anos, e é forte candidata para ser considerada a ‘melhor do resto’.

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/F9GwK1YT4yACqHsym6pqu8

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX da SUÍÇA | Melhores Momentos | 11ª etapa Fórmula E 2018/19:

 

Análise: Vettel CULPADO ou INOCENTE no GP do Canadá? partc. Sérgio Milani. Veja abaixo:

 

GP DO BRASIL 2020 será realizado no RIO DE JANEIRO, diz JAIR BOLSONARO:

 

Vídeo mostra o traçado do novo AUTÓDROMO de DEODORO no RIO DE JANEIRO

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: