Aston Martin pode fornecer motores para a Red Bull caso a Honda desista

As coisas estão muito boas para a Red Bull no momento e o CEO da Aston Martin, Andy Palmer, sugeriu que a patrocinadora poderia estar preparada para ajudar ainda mais, dependendo da situação da Honda, mas foi realista em relação ao orçamento disponível.

A Red Bull mudou para a unidade potência da Honda para a temporada 2019 e tendo surpreendido muitos com a terceira posição no campeonato de pilotos de Max Verstappen e o holandês ter vencido na Áustria.

Apesar de a Honda surpreender todos com seus resultados, seu contrato não vai além de 2020. No entanto, o CEO da Aston Martin acredita que a empresa poderia ajudar mais a equipe, mas tudo depende da Honda.

“O lugar obvio para a Aston é tornar-se envolvida com os motores”, disse Palmer no lançamento do carro Valkyrie à revista ‘Autosport’. “Eu acho que a questão é se a Honda continuará desenvolvendo motores”.

Palmer foi realista, porém sobre o orçamento da empresa, adicionando: “Claramente eles têm muito mais dinheiro e força do que nós. Eu não acho que vamos entrar enquanto a relação com a Honda existir”.

 

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/IHEmXnwxu3JDk3pmRviZ7r

 

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX de NOVA YORK corrida 2 | Melhores momentos | Fórmula E 2018/19 – 13ª etapa:

 

ePRIX de NOVA YORK corrida 1 | Melhores momentos | Fórmula E 2018/19 – 12ª etapa:

 

LUCAS DI GRASSI comenta 3º lugar na temporada 2018/19 da FÓRMULA E:

 

GP DO BRASIL 2020 será realizado no RIO DE JANEIRO, diz JAIR BOLSONARO:

 

Vídeo mostra o traçado do novo AUTÓDROMO de DEODORO no RIO DE JANEIRO

 

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS: