6 horas de Fuji pode mudar de data em favor de Alonso

A data das 6 Horas de Fuji pode ser alterada, na sequência da confirmação de Fernando Alonso na Toyota para o Campeonato Mundial de Endurance (WEC) da FIA.

Alonso, que foi anunciado na terça-feira pela fabricante japonesa, deve participar de todas as corridas da WEC que não coincidem com o calendário da F1, com a etapa de Fuji sendo o único evento conflitante com sua temporada na McLaren.

Rumores vindo da imprensa europeia dão conta de que uma alteração na data da etapa de Fuji do WEC está sendo cogitada, com a corrida prevista de 19 a 21 de outubro sendo alterada para os dias 12 a 14 de outubro, data originalmente anunciada para a corrida.

Os chefes do WEC mudaram a data original (12 a 14 de outubro) para evitar o conflito com a ‘Motul Petit Le Mans’, uma corrida com forte presença de pilotos internacionais, incluindo a participação de vários pilotos que correm em tempo integral no WEC.

O calendário da F1 deixa poucas possibilidades de mudanças para as etapas do WEC, com a corrida da F1 em Suzuka acontecendo duas semanas antes de Fuji e a viagem da F1 ao México na semana seguinte ao GP dos EUA, evento que entra em conflito com as 6 Horas de Fuji.

Além disso, as corridas da F1 no Brasil e Abu Dhabi intercalam a corrida do WEC em Xangai no mês de novembro.

Perguntado pelo ‘Sportscar365’ sobre uma possível alteração da data, o CEO do WEC, Gerard Neveu, admitiu que poderia ser uma possibilidade, embora não quisesse entrar em detalhes.

“Às vezes, você precisa mudar, mas esse não é o caso neste momento”, disse Neveu durante as 24 Horas de Daytona.

“Mas isso pode acontecer. Nunca sabemos. Se houver algo especial ou necessidade da mudança, mudaremos.

“Mas o calendário é absolutamente definitivo, mas as datas podem ser alteradas…

Uma mudança da data de Fuji teoricamente permitiria que Alonso competisse pelo título  da “Super Season” do WEC.