Khodair se despede da Full Time Texaco em corrida complicada em Interlagos

Japonês Voador sofreu um toque na largada na prova que fechou a temporada 2017

Allam Khodair se despediu da Full Time Texaco neste domingo em uma corrida complicada em Interlagos. O Japonês Voador sofreu um toque ainda na largada, caiu para a última posição e, mesmo escalando o pelotão, não conseguiu mais que um 22o lugar na prova que fechou a temporada 2018 e deu o título a Daniel Serra.

“Foi uma pena não conseguir alcançar um pódio para encerrar a parceria com a Full Time e a Texaco da forma que merecíamos. Mas tivemos um ciclo de muitas conquistas que foi de grande importância e evolução para todos. Desejo toda sorte do mundo ao time para a próxima temporada e só tenho a agradecer por esses quatro anos de parceria”, disse Khodair.

Para 2018, a Full Time Texaco terá Nelsinho Piquet. O piloto conta com um extenso currículo internacional: foi campeão da Fórmula 3 Sul-americana (2002), britânica (2004) e também da Fórmula E (2014/2015). Além disso, teve uma passagem de sucesso pela F1 entre os anos de 2008 e 2009, tendo disputado 28 GP’s e conquistado um pódio. Já nos Estados Unidos, Nelsinho correu em diversas divisões da NASCAR: Sprint Cup, Xfinity Series e Truck Series.

“Um case de sucesso só pode ser substituído por outro da mesma grandeza. Finalizamos com o Allam Khodair com um sentimento de missão cumprida.  Para as três partes, foi um grande crescimento profissional. Receber o Nelson Piquet Jr. na equipe sempre foi uma vontade minha. Por onde passou, fez bonito, e a Texaco tem toda a estrutura para receber um piloto deste porte. Toda a equipe trabalhará ao máximo para ter e fazer dessa historia a mais vitoriosa possível”, disse Maurício Ferreira, chefe de equipe da Full Time Texaco.