Felipe Fraga vence a Corrida do Milhão e dispara no campeonato

Tocantinense dá nó tático em Barrichello, administra pushes e é o novo milionário da Stock Car.

Em um sol forte no Autódromo de Interlagos, Felipe Fraga venceu a Corrida do Milhão da Stock Car. O piloto atacou Barrichello na hora certa e soube administrar a vantagem, vencendo de forma impecável.

Fraga ainda viu seu principal concorrente ao título, Marcos Gomes abandonando ainda na primeira volta, após um toque com Ricardo Maurício e abre 33 pontos de vantagem na liderança do campeonato.

Valdeno Brito cruzou na terceira colocação e completou um pódio só com pilotos vencedores da Corrida do Milhão.

A corrida

Na largada, Barrichello manteve a ponta e na saída do S do Senna, Marcos Gomes e Ricardo Maurício se tocaram e rodaram. No final da primeira volta, Lucas Foresti e Marcos Gomes foram para os boxes e Ricardo Maurício abandonou.
Barrichello seguia na frente, com Felipe Fraga colado e mais atrás, Júlio Campos em terceiro. Cacá Bueno começava a escalar o pelotão e já era o oitavo.

Marcos Gomes abandonou de vez, após o toque com Ricardo Maurício.

Fraga se aproximava cada vez mais e Barrichello se defendia usando o push to pass, os dois já abriam dois segundos e meio de Júlio Campos.

Na volta 6, Felipe Fraga assumiu a ponta, após uma manobra no final da reta oposta, Rubinho tentou reagir, mas Fraga conseguiu completar a ultrapassagem no Laranjinha.

No giro seguinte, Barrichello tentou o troco em cima de Fraga, mas o tocantinense se defendeu bem, com isso Júlio Campos se aproximou muito dos ponteiros.

Fraga abria em relação ao Barrichello, a diferença entre os dois já estava em mais de 1s, enquanto isso, Ricardo Zonta se aproximava de Júlio Campos, em busca da terceira colocação.

Na volta 13, Cacá Bueno espalhou na saída do S do Senna e com isso Thiago Camilo conseguiu a ultrapassagem, subindo para sétimo. Bueno também perdeu a oitava colocação para Allam Khodair.

Barrichello começava a descontar a vantagem que o Fraga conseguiu dele. A diferença que chegou a ficar em mais de 2s, já estava em nove décimos de segundo, na volta 15.

Na volta 18, Rubinho colou em Felipe Fraga e iniciou uma perseguição, aguardando o momento exato para atacar.

Há sete voltas do fim Ricardo Zonta e Thiago Camilo se enroscaram no final da reta dos boxes.

Fraga conseguiu administrar a vantagem para Rubinho, mas o piloto veterano guardou alguns pushes to pass e voltou a se aproximar forte.

Entretanto não foi o suficiente e Felipe Fraga é o mais novo milionário da Stock Car. Barrichello chegou em segundo e Valdeno Brito em terceiro, pódio de três campeões da Corrida do Milhão.

1-) – 88 Felipe Fraga (Cimed Racing) – 1min40s285
2-) – 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) – 0s411
3-) – 77 Valdeno Brito (TMG Racing) – 5s180
4-) – 65 Max Wilson (Eurofarma RC) – 10s972
5-) – 18 Allam Khodair (Full Time Sports) – 11s732
6-) – 70 Diego Nunes (União Química Racing) – 14s078
7-) – 4 Julio Campos (C2 Axalta Racing) – 18s585
8-) – 29 Daniel Serra (Red Bull Racing) – 22s508
9-) – 83 Gabriel Casagrande (C2 Axalta Racing) – 24s367
10-) – 46 Vitor Genz Eisenbahn (Racing Team) – 38s496
11-) – 110 Felipe Lapenna (Hot Car Competições) – 38s542
12-) – 26 Raphael Abbate (Hot Car Competições) – 43s129
13-) – 3 Bia Figueiredo (União Química Racing) – 44s248
14-) – 28 Galid Osman (Ipiranga-RCM) – 50s220
15-) – 56 Danilo Dirani (RZ Motorsport) – 51s136
16-) – 63 Nestor Girolami (Eisenbahn Racing Team) – 53s831
17-) – 21 Thiago Camilo (Ipiranga-RCM) – a 1 volta
18-) – 0 Cacá Bueno (Red Bull Racing) – a 2 voltas
19-) – 73 Sergio Jimenez (Cavaleiro Sports) – a 2 Voltas
20-) – 51 Átila Abreu (Shell Racing) – a 2 Voltas
21-) – 11 Cesar Ramos (RZ Motorsport) – a 5 Voltas
22-) – 10 Ricardo Zonta (Shell Racing) – a 6 Voltas
23-) – 74 Popó Bueno (Cavaleiro Sports) – a 6 Voltas
24-) – 8 Rafael Suzuki (Vogel Motorsport) – a 16 Voltas
25-) – 9 Guga Lima (TMG Racing) – a 24 Voltas
26-) – 12 Lucas Foresti (Full Time-ProGP) – a 24 Voltas
27-) – 5 Denis Navarro (Vogel Motorsport) – a 25 Voltas
28-) – 80 Marcos Gomes (Cimed Racing) – a 27 Voltas
29-) – 90 Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) – excluído