Dakar: O fim da linha para Sam Sunderland

O Rally Dakar é assim mesmo: se algo der errado, um ano inteiro de preparação vai para o brejo. Esta foi a dura realidade encarada pelo britânico Sam Sunderland nas motos na especial desta terça-feira, 9 de janeiro, onde os pilotos tinham um ‘laço’ de 330 km para cumprir no entorno de San Juan de Marcona, no Peru.

Sam Sunderland
Red Bull

O piloto britânico liderava a prova quando sofreu um acidente. Precisou ser removido de helicóptero para o hospital e, embora esteja totalmente fora de perigo, sofre com dores severas dores nas costas e está oficialmente fora da disputa. O novo líder nas motos é o francês Adrien Van Beveren.