Dakar 2016 – 10ª etapa – Carros: Petehansel vence e reassume a ponta

A dupla dos franceses Stéphane Peterhansel /Jean-Paul Cottret (Peugeot DKR 2008) venceu a 10ª etapa do Rally Dakar 2016, realizada nesta quarta-feira (13/01), num percurso que iniciou na cidade de Belén rumo a La Rioja, na Argentina. Para os carros e caminhões foram 763 km, sendo 278 km de trechos contra o relógio.

Numa das etapas mais difíceis desta 38ª edição do Dakar, Peterhansel mostrou porque é dono de 11 vitórias e está próximo de ampliar seu próprio recorde. Após os dois pneus furados no dia anterior, quando perderam a liderança, nesta quarta-feira Peterhansel e Cottret foram impecáveis, abrindo uma grande vantagem sobre os adversários.

O único carro que conseguiu acompanhar os vencedores do dia foi o de seus companheiros de equipe e compatriotas Cyril Despres / David Castera (Peugeot DKR 2008). Com o segundo melhor tempo na etapa a dupla consolida uma prova de recuperação, passando a ocupar a quinta colocação na classificação acumulada.

Mas a equipe francesa não teve só notícias boas para comemorar. A dupla dos espanhóis Carlos Sainz / Lucas Cruz (Peugeot DKR 2008), que venceu e conquistou a liderança na etapa anterior, teve um péssimo dia. Após perder tempo atolada, uma quebra mecânica definitivamente complicou a prova dos espanhóis. Eles não conseguiram resolver o problema sozinhos e tiveram de esperar pelo apoio, perdendo muito tempo. Sainz, vencedor do Dakar de 2010 com a Volkswagen, viu o sonho do bi desaparecer.

Com os problemas dos espanhóis, a dupla do catariano Nasser Al-Attiyah e o inglês Matthieu Baumel (Mini All4 Racing) assumiu a vice-liderança do rally. Mas o dia foi duro, a dupla teve dificuldades, perdeu alguns minutos atolada, o que resultou num oitavo tempo na etapa. Se por um lado Nasser e Baumel viram seus esforços para tentar a segunda vitória consecutiva no Dakar recompensados, por outro receberam uma ducha de água fria, quando souberam do desempenho de Peterhansel, que agora tem uma hora de vantagem, faltando apenas três etapas para o final do rally.

A dupla do sul-africano Giniel de Villiers e o alemão Dirk Von Zitzewitz (Toyota Hilux) fez o quarto melhor tempo do dia, o que resultou na conquista de duas posições, a de Sainz e Cruz, e também da dupla do finlandês Mikko Hirvonen e o francês Michael Perin (Mini All4 Racing). Eles assumiram a terceira colocação na acumulada.

Classificação da 10ª etapa (extraoficial):

1 – Stéphane Peterhansel /Jean-Paul Cottret (Peugeot DKR 2008): 03:58:32

2 – Cyril Despres / David Castera (Peugeot DKR 2008): + 00:05:40

3 – Nani Homa / Alex Haro Bravo (Mini All4 Racing): + 00:14:33

4 – Giniel de Villiers / Dirk Von Zitzewitz (Toyota Hilux): + 00:26:16

5 – Mark Corbett / Juan Mohr (Century Racing): + 00:39:16

Classificação geral após a 10ª etapa (extraoficial):

1 – Stéphane Peterhansel /Jean-Paul Cottret (Peugeot DKR 2008): 32:44:59

2 – Nasser Al-Attiyah / Matthieu Baumel (Mini All4 Racing): + 01:00:00

3 – Giniel de Villiers / Dirk Von Zitzewitz (Toyota Hilux): + 01:12:31

4 – Mikko Hirvonen / Michael Perin (Mini All4 Racing): + 01:23:51

5 – Cyril Despres / David Castera (Peugeot DKR 2008): + 01:50:07

Nesta quinta-feira (14/01) será disputada a 11ª etapa do Rally Dakar 2016. O percurso parte de La Rioja rumo a San Juan, na Argentina. Para motos e quadriciclos serão 712 km, sendo 431 km de trechos contra o relógio.