Tony Kanaan de volta à pista de Spa depois de 25 anos

Tony Kanaan diz que está feliz por voltar a correr em Spa-Francorchamps, 25 anos depois da sua única aparição no circuito belga. A última vez que o brasileiro esteve no circuito foi em 1993, com a Fórmula Opel Lotus, como parte do projeto de apoio do GP da Bélgica daquele ano.

Agora, Kanaan juntou-se à Ford Chip Ganassi Racing, para as “6 Horas de Spa” deste fim de semana, pilotando na classe GTE-Pro, juntamente com os pilotos Andy Priaulx e Harry Tincknell.

“Alguns desses caras (colegas na pista) nem eram nascidos quando eu estive aqui pela última vez, e a chicane está agora ao contrário, então fiquei confuso esta manhã!”, disse Kanaan.

“Mas esta é uma das pistas lendárias. Mesmo se você não correr aqui, joga no simulador ou no videogame. É uma pista complicada, e é muito difícil chegar em um fim de semana como este e fazer 15 voltas antes da corrida”, revelou o piloto.

Kanaan está usando a abertura da temporada do Campeonato Mundial de Endurance, como preparação para as 24 Horas de Le Mans em junho. O brasileiro disse ainda que, foi uma grande honra ser convocado pela Chip Ganassi, para correr em Le Mans pela segunda vez.

No ano passado ele terminou em sexto, na sua estreia pilotando um dos Ford no Campeonato IMSA (WeatherTech SportsCar). Embora outras corridas ainda não tenham sido confirmadas, Kanaan disse que está “disponível” para disputar a corrida de 1.000 milhas em Sebring, no próximo mês de março e as 24 Horas de Le Mans em junho de 2019, se houver necessidade.