Pietro Fittipaldi teve fratura exposta e passou por cirurgia em Liège

Piloto brasileiro sofreu grave acidente durante os treinos para as 6 Horas de Spa-Francorchamps, na Bélgica

Pietro Fittipaldi sofreu um grave acidente durante a qualificação para as 6 Horas de Spa, primeira etapa do Mundial de Endurance (WEC). O brasileiro vinha em uma volta rápida e perdeu a frente de seu BR Engineering Gibson chocando-se fortemente nas barreiras de proteção da lendário Eau-Rouge.

Ele foi atendido imediatamente pela equipe médica do circuito, incluindo o médico da FIA, Jacques Tropenat, e foram necessários quase 20 minutos para retirar Fittipaldi do carro, antes de ser transportado de helicóptero para o Centro Hospitalar da Cidade de Liège.

Pietro Fittipaldi - WEC - Spa
Foto: Reprodução/ Twitter

A assessoria do piloto divulgou uma nota. Leia na íntegra:

“O piloto Pietro Fittipaldi sofreu um forte acidente a cerca de 300 km/h às 15h52 de hoje (4 de maio de 2018) com o carro número 10 da DragonSpeed durante a classificação das 6 Horas de Spa-Francorchamps.

As causas do acidente estão sendo investigadas – segundo relatos iniciais, o volante travou, impedindo que Pietro contornasse a curva, possivelmente após uma pane elétrica no carro (como aponta a análise do vídeo do acidente).

O piloto, que estava consciente a todo o momento, foi retirado do carro pelo médico da FIA, aos cuidados do Dr. Jacque Tropenatde, e foi para o centro médico do Circuito de Spa e, consequentemente, transportado de helicóptero para o hospital com suspeita de fratura nas duas pernas. Ele está sendo acompanhado pelo chefe da equipe e não corre risco de morte.

O piloto passou por duas cirurgias no Hospital CHR de la Citadelle, em Liége (Bélgica): ele teve uma fratura exposta na perna esquerda e uma próxima ao osso do tornozelo na direita, que também teve rompimento dos ligamentos do joelho. 

Assim que houver novas informações, um boletim médico será divulgado. A família de Pietro Fittipaldi agradece as inúmeras mensagens de apoio e pede para que todos sigam na torcida pela mais rápida recuperação do piloto brasileiro.”