EuroNascar: Brasileiro Felipe Rabello manteve liderança na Rookie Cup

Piloto mineiro continua na briga pelo título na classificação Geral, apesar de ter caído para terceiro na tabela de pontuação

O mineiro Felipe Rabello manteve a liderança na Rookie Cup da Nascar Whelen Euro Series, depois das duas provas da Semi-final realizadas (16 e 17/9) no Autódromo di Franciacorta, na Bréscia (Itália). Agora ele tem 10 pontos de vantagem sobre o polonês Maciej Dreszer na classe dos Estreantes. Já na tabela de classificação Geral o representante brasileiro aparece em terceiro, 78 pontos atrás do experiente francês Fernando Ferrando e apenas seis pontos de desvantagem para o francês Ulysse Delsaux, o vice-líder.

“Não fiquei muito satisfeito com este final de semana de corrida. Fui do céu até o purgatório. Fiquei feliz com o treino livre e com as corridas que fiz, mas fiquei decepcionado com a Direção de Prova aqui na Itália e não concordei com punições que recebi e que prejudicaram muito o meu campeonato, somando apenas uma sétima e um oitava posições para a tabela de pontuação”, comentou Felipe Rabello.

Nos treinos livres o piloto de Belo Horizonte mostrou rápida adaptação às 13 curvas do circuito de 2.519 metros, já que nenhum dos pilotos dos oito países diferentes (Alemanha, Bélgica, Brasil, França, Irã, Itália, Luxemburgo, Polônia) conhecia o autódromo da cidade de Castrezzato. Rabello foi o mais veloz (1min15s761), 0s123 mais rápido do que o belga Guillaume Dumarey.

Já na classificação realizada sob chuva os problemas de Felipe começaram. Os mecânicos de seu time colocaram inadvertidamente pneus errados e ele ficou apenas com o 21º tempo. Na primeira prova o brasileiro deu um show de pilotagem e ganhou 18 posições, subindo no pódio em terceiro, após terminar a apenas 7s616 do vencedor, Fernando Ferrando, o líder do campeonato.

“A corrida foi surreal. Foi pancadaria geral e me rodaram duas vezes. Foi uma corrida de maluco”, contou Rabello. “O ruim é que depois me deram uma penalização de 30 segundos, porque disseram que eu saí do alinhamento antes de passar pela linha de largada, e aí fiquei apenas com a sétima colocação”.

Na segunda prova Felipe Rabello largou em 14º e recebeu a bandeirada em oitavo. O vencedor foi o italiano Danny Zardo, seguido de Ferrando. “Foi um final de semana para esquecer, pois a minha pretensão era ampliar a liderança na Rookie Cup e entrar na Final bem próximo do (Fernando) Ferrando, brigando diretamente pelo título na classificação geral. Agora vamos com tudo para a Bélgica e espero que lá dê tudo certo”, encerrou o mineiro. A rodada final acontecerá nos dias 14 e 15 de outubro, no circuito de Zolder.

Os dez primeiros na Nascar Whelen Euro Series depois de 10 etapas são: 1) Thomas Ferrando (França), 512 pontos; 2) Ulysse Delsaux (França), 440; 3) Felipe Rabello (Brasil), 434; 4) Maciej Dreszer (Polônia), 424; 5) Guillaume Dumarey (Bélgica), 421; 6) Marconi Abreu (Brasil), 406; 7) Justin Kunz (Alemanha), 387; 8) Paul Guiod (França), 386; 9) Meisam Taheri (Irã), 346; 10) Carmen Boix Gil (Espanha), 345.