Kasey Kahne vence prova confusa em Indianápolis

Em corrida tumultuada no lendário circuito de Indianápolis, quem venceu foi Kasey Kahne garantindo importante resultado e encerrando o jejum de três anos sem uma vitória.

 

Saiba como foi a prova em Indianápolis da Nascar

A corrida começou bem disputada, com a pole de Kyle Busch liderando a maior parte da prova, num total de 87 voltas. O panorama na lendária pista de Indianápolis foi marcado por diversos acidentes, tanto que houve uma pausa de quase seis horas de intervalo.

Foram três bandeiras vermelhas ao todo dos três segmentos onde em uma delas durou uma hora e 45 minutos, por causa de uma forte tempestade de raios após ter registrado somente 12ª volta. Depois, mais duas paralisações devido aos acidentes que requisitaram uma limpeza mais intensa da pista. Houve também durante o percurso, no acidente que envolveu os dois líderes da prova, no complemento da 111ª passagem.

Kyle Busch, além de ter obtido a pole ainda venceu os dois primeiros segmentos da corrida, quando perdeu a liderança para Martin Truex Jr. já no início do terceiro segmento. Na relargada, os dois pilotos se tocaram e foram parar o muro, com o piloto da equipe Furniture Row, teve seu carro pegando fogo. O piloto do carro #42 assumiu toda responsabilidade do acidente.

Matt Kenseth passou para primeiro, com Kevin Harvick vindo logo atrás, mas seu grupo fez um pit stop em bandeira verde e com isso ele perdeu terreno para pilotos que haviam parado na amarela ou pouco antes, como: Brad Keselowski e Trevor Bayne.

Na sequência final com mais acidentes e bandeiras amarelas acionadas na pista, todos os pilotos se dirigiram aos boxes e todos então ficaram em condições de igualdade nas estratégias de corrida. Kahne, então, ficou em primeiro lugar, e seu adversário passou a ser Keselowski.

Faltando 12 voltas para o final da prova, aconteceu a segunda bandeira vermelha acionada na pista, após o forte e grave acidente entre Clint Bowyer e Kurt Busch. Kyle Larson acertou o muro faltando somente seis voltas do fim.

Na relargada, Jimmie Johnson tentou atacar os dois líderes e se deu muito mal com a manobra. Em seguida, o piloto passou o adversário, entretanto ocorreu um acidente causado por Bayne que ainda envolveu vários outros carros, causando assim outra bandeira vermelha. Na relargada, Kahne com arrojo passou por Keselowski. Já no último acidente da prova com Denny Hamlin fez com que a direção então terminasse, enfim, sob bandeira amarela.

O panorama geral da prova em Indianápolis foram 14 bandeiras no total, sete líderes e mais 14 trocas na liderança. Ryan Newman, Joey Logano e Kenseth completaram os cinco primeiros colocados.

O campeonato tem a liderança de Martin Truex Jr com 780 pontos, com Kyle Larson somando 732 na vice liderança, e Kevin Harvick em terceiro lugar obtendo 683. O vencedor da prova Kasey Kahne está em 20º lugar na tabela de classificação com 383 pontos.

A próxima etapa da Nascar Cup será no domingo dia 30 de julho, no oval de Pocono.